G1 Mundo

Presidente do conselho da BBC se demite após denúncia de facilitar empréstimo a Boris Johnson

today28 de abril de 2023 3

Fundo
share close

O presidente do conselho da rede britânica BBC, Richard Sharp, anunciou sua renúncia nesta sexta-feira (28) após uma denúncia de que ele facilitou um empréstimo para o ex-primeiro-ministro do Reino Unido Boris Johnson quando era diretor de um banco.

Segundo uma investigação do órgão fiscalizador de nomeações públicas do governo britânico, a suspeita é que Sharp, que era banqueiro antes de assumir a rede pública, violou as regras para nomeações públicas ao não divulgar a facilitação para o empréstimo.

O Conselho da BBC não tem interferência editorial na rede, cujo conteúdo é totalmente independene.



Ainda assim, o caso, segundo o órgão, pode implicar um conflito de interesses, já que o empréstico pode ter influenciado em sua nomeação ao cargo – o cargo de presidente é apontado pelo governo do Reino Unido.

O executivo, que assumiu o posto em 2021, durante a gestão de Johnson, negou as irregularidades. Mas disse que renunciaria para manter a integridade da BBC. Ele vai deixar o cargo até o fim de junho para que a direção encontre um susbstituto seu.

“Decidi que é certo priorizar os interesses da BBC”, disse Sharp em um comunicado. “Portanto, nesta manhã, renunciei ao cargo de presidente da BBC para o secretário de Estado e para o conselho.”

Questionado por repórteres sobre o caso em Londres nesta manhã, Boris Johnson não quis se pronunciar.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

como-suposto-espiao-colocou-brasil-entre-disputa-de-russia-e-eua

G1 Mundo

Como suposto espião colocou Brasil entre disputa de Rússia e EUA

Desde a última terça-feira (25), porém, Cherkasov passou a ser oficialmente disputado pelos governos dos dois países. Tanto a Rússia quanto os Estados Unidos pediram a sua extradição. Agora, caberá ao Supremo Tribunal Federal (STF) e ao governo brasileiro decidirem se Cherkasov será extraditado e qual país ficará com ele. Especialistas e fontes ouvidas pela BBC News Brasil afirmam que o caso cria uma situação desconfortável para o Brasil, uma […]

today28 de abril de 2023 8

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%