G1 Mundo

Presos fogem no Haiti após gangues armadas atacarem uma prisão

today3 de março de 2024 9

Fundo
share close

Entre os detidos na prisão, estão os acusados do assassinato do presidente Jovenel Moïse em 2021.




Haiti: polícia identifica 28 suspeitos do assassinato do presidente Jovenel Moise

Haiti: polícia identifica 28 suspeitos do assassinato do presidente Jovenel Moise

Um grupo de presos escapou da prisão nacional de Porto Príncipe, no Haiti, neste sábado (02), depois de um ataque de gangues armadas e em meio a uma onda de distúrbios que abala o país há vários dias, informaram a embaixada francesa e a mídia local.

“Na noite de sábado, um grupo de criminosos invadiu a penitenciária nacional de Porto Príncipe e permitiu a fuga de um número desconhecido de detidos”, escreveu a embaixada francesa na capital haitiana em um comunicado transmitido à AFP.

A embaixada apelou à “prudência” e a evitar “deslocamentos”.

Por sua vez, o Sindicato da Polícia Nacional do Haiti pediu aos policiais e militares que possuam carros, armas e munições que se dirijam à prisão para reforçar a segurança, segundo mensagem em crioulo publicada na rede social X.

Entre os prisioneiros que fugiram estão “membros importantes de gangues muito poderosas”, informou o jornal Gazette d’Haïti.

Desde quinta-feira, os agressores espionavam a prisão, a principal do país, com drones, acrescentou a mídia.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

o-maior-pais-muculmano-do-mundo-que-busca-se-tornar-uma-das-5-maiores-economias

G1 Mundo

O maior país muçulmano do mundo que busca se tornar uma das 5 maiores economias

Eles acabaram de migrar milhares de quilômetros para Nusantara, a futura capital da Indonésia que está emergindo da floresta tropical em meio aos orangotangos. “Deve ser mais fácil encontrar emprego aqui enquanto eles ainda estão construindo a infraestrutura”, disse Musmulyadi à BBC Indonésia. A futura casa deles hoje é um canteiro de obras em Nusantara, palavra javanesa para "arquipélago", na ilha de Bornéu. Nurmis mistura o cimento enquanto Musmulyadi coloca […]

today3 de março de 2024 7

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%