G1 Mundo

Principal órgão judicial da ONU dá ordem para que Israel garanta ajuda humanitária na Faixa de Gaza

today28 de março de 2024 9

Fundo
share close

A Corte Internacional de Justiça afirmou que já há fome na Faixa de Gaza e que Israel precisa ‘adotar todas as medidas necessárias e eficazes’ para a entrega de itens e serviços essenciais.




Corte Internacional de Justiça pede que Israel garanta distribuição de alimentos em Gaza

Corte Internacional de Justiça pede que Israel garanta distribuição de alimentos em Gaza

A CIJ é o principal órgão judicial da ONU e tem sede em Haia, nos Países Baixos. A corte afirmou que Israel deverá adotar todas as medidas necessárias e eficazes para garantir que serviços básicos e itens de ajuda humanitária sejam entregues para os moradores da Faixa de Gaza,

A guerra entre Israel e o grupo terrorista Hamas começou em 7 de outubro em decorrência do ataque do Hamas ao território israelense. Naquele dia, os terroristas mataram cerca de 1.160 pessoas.

Em resposta, Israel prometeu aniquilar o Hamas e lançou uma ofensiva que já deixou 32.552 mortos na Faixa de Gaza, segundo dados do próprio Hamas.

Itens de ajuda humanitária para os moradores da Faixa dde Gaza caem no território — Foto: Ronen Zvulun/Reuters

Ação da África do Sul na Corte

No fim de dezembro, a África do Sul entrou com um processo na CIJ argumentando que a ofensiva israelense violava a Convenção para a Prevenção de Genocídios e que Israel estava cometendo um genocídio.

A África do Sul pediu novas medidas algumas semanas depois, com o objetivo de pressionar legalmente Israel a não iniciar uma ofensiva terrestre contra a cidade de Rafah, no sul da Faixa de Gaza.

A corte rejeitou o pedido da África do Sul a respeito da ofensiva em Rafah. Os sul-africanos então apresentaram um recurso em março, desta vez para pedir medidas cautelares contra a “fome generalizada”.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

veja-fotos:-papa-francisco-lava-pes-de-12-mulheres-em-presidio-de-roma

G1 Mundo

Veja fotos: Papa Francisco lava pés de 12 mulheres em presídio de Roma

Sentado em uma cadeira de rodas, Jorge Bergoglio lavou , secou e beijou os pés de 12 mulheres. Algumas delas choraram. O papa Francisco, que já visitava detentos em Buenos Aires, afirmou que a cerimônia do lava pés "é um gesto que nos chama a servir aos demais". Ele também celebrou uma missa no pátio do centro de detenção, onde estão presas cerca de 370 mulheres. Na tradição cristã, a […]

today28 de março de 2024 3

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%