G1 Mundo

Protestos pró-Evo Morales deixam 2 mortos e 11 policiais feridos na Bolívia

today25 de janeiro de 2024 4

Fundo
share close

Evo Morales foi presidente entre 2006 e 2019. No último ano, ele foi forçado a renunciar devido a uma revolta social que denunciava supostas fraudes eleitorais para obter um quarto mandato.

Em dezembro de 2023, o Tribunal Constitucional impediu Evo de se candidatar novamente, com o argumento de que já cumpriu os dois mandatos permitidos pelo regulamento.

O atual presidente, Luis Arce, começou na política como um aliado de Evo, mas os dois romperam e hoje são rivais.



Manifestações durante dias

Depois de quatro dias de manifestações, o governo de Luis Arce – ex-aliado de Morales – afirmou, nesta quinta-feira (25), que duas pessoas morreram quando ficaram presas nos bloqueios de estradas realizados por cocaleiros (produtores de folha de coca) e outras organizações de agricultores.

Na quarta-feira, foi informada a morte de uma mulher de 53 anos que tinha problemas de pressão arterial e não conseguia viajar por via terrestre de La Paz a Santa Cruz.

Os 11 policiais que ficaram feridos por manifestantes foram atacaram com pedras e explosivos em determinado momento do protesto no departamento de Potosí.

O coronel Juan Amílcar Sotopeña, comandante regional da polícia afirmou que “a federação de agricultores de Potosí, composta por aproximadamente 200 pessoas, emboscou nossos policiais”.

Alguns dos feridos foram levados para centros de saúde, mas nenhum deles em estado grave.

Nesta quinta-feira, a Administradora de Rodovias registrou 22 pontos de bloqueio nas estradas da Bolívia.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

video:-parentes-de-refens-do-hamas-tentam-bloquear-envio-de-ajuda-para-gaza-em-protesto-na-fronteira

G1 Mundo

VÍDEO: Parentes de reféns do Hamas tentam bloquear envio de ajuda para Gaza em protesto na fronteira

A tentativa era parte de um protesto dos parentes diante da falta de informação sobre os sequestrados. O protesto ocorreu na passagem de Kerem Shalom, na fronteira entre o sul de Israel e o norte da Faixa de Gaza. O grupo exigiu que o governo israelense suspenda a entrada de ajuda a Gaza até que os reféns sejam libertados. Eles também protestaram pelo fato de que, segundo os manifestantes, os […]

today25 de janeiro de 2024 10

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%