G1 Mundo

Seleção de Gales diz que Fifa autorizou torcida a usar itens com arco-íris em jogo contra o Irã

today25 de novembro de 2022 24

Fundo
share close

A Associação de Futebol do País de Gales disse na terça-feira (22) que entraria em contato com a Fifa após seus funcionários e torcedores precisarem remover e descartar os chapéus com arco-íris antes de entrar no estádio para o jogo contra os EUA.


Foto anterior à Copa do Mundo mostra como é o chapéu com arco-íris usado por torcedores do País de Gales — Foto: Reprodução/FAW



A Associação de Futebol do País de Gales (FAW) disse, nesta quinta-feira (24), que a Fifa autorizou que torcedores usem itens como chapéus e bandeiras com arco-íris durante o jogo do País de Gales contra o Irã.

Os chapéus representam “Rainbow Wall”, o grupo de torcedores do País de Gales que são membros da comunidade LGBTQIA+. Os chapéus foram criados em parceria com a própria FAW.

Copa 2022: Entenda polêmica sobre a braçadeira LGBTQIA+ ‘One Love’

Copa 2022: Entenda polêmica sobre a braçadeira LGBTQIA+ ‘One Love’

A FAW disse na terça-feira (22) que entraria em contato com a Fifa após seus funcionários e torcedores precisarem remover e descartar os chapéus com arco-íris antes de entrar no estádio para o jogo de estreia contra os Estados Unidos na segunda-feira (21). O jogo terminou empatado em 1×1.

As relações entre pessoas do mesmo sexo são ilegais no Catar.

“Em resposta à FAW, a FIFA confirmou que os torcedores com chapéus de balde e bandeiras de arco-íris terão permissão para entrar no estádio para a partida de @Cymru contra o Irã na sexta-feira”, disse a FAW em seu perfil oficial no Twitter.

“Todos os locais da Copa do Mundo foram contatados e instruídos a seguir as regras e regulamentos acordados.”

Antes, sete seleções europeias que disputam a copa desistiram dos planos de seus respectivos capitães usarem braçadeiras multicoloridas “OneLove”. O objetivo era demonstrar apoio à diversidade e inclusão depois que a Fifa ameaçou emitir cartões amarelos a qualquer jogador que as usasse.

Um jornalista norte-americano disse que foi brevemente detido quando tentou entrar em um estádio vestindo uma camisa com arco-íris.

O País de Gales está disputando sua primeira Copa do Mundo em 64 anos.

Newsletter G1 Created with Sketch.

O que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.

Para se inscrever, entre ou crie uma Conta Globo gratuita.

Obrigado!

Você acaba de se inscrever na newsletter Resumo do dia.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

golpista-das-ferias:-o-agente-luxo-acusado-de-embolsar-r$-1,5-milhoes-de-clientes

G1 Mundo

Golpista das férias: o agente luxo acusado de embolsar R$ 1,5 milhões de clientes

Gente da alta sociedade, personalidades e influencers foram recebidos em um luxuoso salão em um bairro nobre de Belo Horizonte. No cardápio, massa fresca, filé mignon, camarão, lagosta e canoles de pistache — tudo hamornizado com vinhos e espumantes. "O evento foi maravilhoso", diz a joalheira Ana Jalenna. "Tinha mais pessoas do que eu esperava, pessoas que não vão quase a nenhum lugar, mas foram naquele evento. A gente estava […]

today25 de novembro de 2022 21

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%