G1 Santos

Sobe o número famílias cadastradas após incêndio em comunidade na Zona Noroeste de Santos; veja como ajudar

today9 de setembro de 2023 4

Fundo
share close

De acordo com a Prefeitura de Santos, inicialmente foram cadastradas 260 famílias, em trabalho realizado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Seds) desde as primeiras horas do incêndio. A Seds continua realizando o cadastro social das pessoas que tiveram as casas afetadas pelo fogo. Agora, esse número já chegou a 452.

As famílias são acompanhadas por assistentes sociais e psicólogos, que vão validar as informações para que seja feito o encaminhamento específico para atender às necessidades de cada morador.

Ainda segundo a prefeitura, o primeiro auxílio emergencial, que deve ser pago ainda este mês, será de R$ 1.200: R$ 600 de ajuda para o pagamento de aluguel e mais R$ 600 para apoio na compra de pertences perdidos no sinistro. A partir do segundo mês, as famílias passarão a receber R$ 600 por mês. O valor será pago até que elas sejam atendidas com moradias dentro dos programas habitacionais desenvolvidos pelo município.



A Companhia de Habitação da Baixada Santista vai utilizar o cadastro da Seds para verificar se estas pessoas já integram o grupo de moradores atendidos pelas 1.120 unidades do Conjunto Habitacional Tancredo Neves III. Caso sejam encontradas famílias com residências atingidas no incêndio dentro deste grupo que ainda não foi para as unidades, a Cohab fará a antecipação da transferência para os apartamentos.

Prefeitura de Sanros está prestando auxílio às vítimas de incêndio no Dique da Vila Gilda — Foto: Isabela Carrari/Prefeitura de Santos

As mais de 400 famílias desabrigadas também estão sendo atendidas no Bom Prato da Vila Gilda, que abriu especialmente durante o feriado prolongado. Os desabrigados estão tendo acesso a café da manhã, almoço e jantar.

Os moradores vítimas do incêndio (cadastrados pela Prefeitura) podem ir direto à unidade para retirar seu alimento de forma gratuita. As refeições também estão sendo estendidas a moradores da comunidade.

Segundo a prefeitura, doações de roupas e calçados feitas até o momento já foram suficientes para atender as famílias. Quem puder ajudar levando itens que compõem a cesta básica deve se dirigir ao Fundo Social de Solidariedade (FSS), na Avenida Conselheiro Nébias, 388. O atendimento está ocorrendo mesmo durante o feriado prolongado: sexta-feira (8), sábado (9) e domingo (10), das 8h às 19h.

Os pontos de doação são: Igreja Sagrada Família, o Instituto Arte no Dique e o Centro Esportivo Dale Coutinho, além do Fundo Social.

VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

banqueiro-brasileiro-listado-na-forbes-e-achado-morto-junto-com-esposa-em-sp

G1 Santos

Banqueiro brasileiro listado na Forbes é achado morto junto com esposa em SP

O empresário José Bezerra de Menezes Neto, o Binho Bezerra, foi encontrado morto neste sábado (9), junto com a esposa em um condomínio em Guarujá, no litoral de São Paulo. Conforme apurado pelo g1, a Polícia Civil suspeita que as mortes foram causadas por um vazamento de gás. O casal foi encontrado dentro de uma casa que faz parte de um condomínio fechado de residências na Praia do Iporanga. O […]

today9 de setembro de 2023 8

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%