G1 Mundo

Soldado norte-americano Travis King volta para casa após ser expulso da Coreia do Norte

today28 de setembro de 2023 7

Fundo
share close

Embora os detalhes sobre a negociação diplomática que levou à transferência de King permaneçam escassos, o caso representa um raro exemplo de cooperação entre os Estados Unidos, a Coreia do Norte e a China.

King, de 23 anos, fez uma investida repentina da Coreia do Sul para a Coreia do Norte em 18 de julho, durante uma viagem civil pela fronteira fortemente fortificada, e foi imediatamente preso pelos norte-coreanos.

Os EUA recusaram-se a declará-lo prisioneiro de guerra, apesar do acalorado debate dentro do governo. Por seu lado, a Coreia do Norte parece ter tratado o caso como uma ocorrência de imigração ilegal.



A agência de notícias estatal da Coreia do Norte, KCNA, afirmou que King disse a Pyongyang que entrou ilegalmente na Coreia do Norte porque estava desiludido com a sociedade desigual dos EUA.

A decisão da Coreia do Norte de expulsar King, publicada pela KCNA, detalhou os resultados finais de uma investigação sobre a sua travessia de fronteira. No mês passado, disse que ele queria refúgio na Coreia do Norte ou em outro local devido a maus-tratos e discriminação racial no Exército dos EUA.

O governo sueco, que representa os interesses dos EUA na Coreia do Norte já que Washington não tem presença diplomática no país, recuperou King na Coreia do Norte e o levou para a China.

O porta-voz do Departamento de Estado dos EUA Matthew Miller disse a jornalistas que King foi recebido pelo embaixador dos EUA em Pequim, Nicholas Burns, em Dandong, uma cidade ribeirinha chinesa que faz fronteira com a Coreia do Norte. Miller disse que King voou de lá para Shenyang, também na China, e depois para a Base Aérea de Osan, na Coreia do Sul.

Expressando gratidão à Suécia e à China, as autoridades dos EUA, citando representantes diplomáticos dos EUA que viram King, disseram aos repórteres que ele parecia estar com boa saúde e estava “muito feliz” por estar voltando para casa. Ele conseguiu falar com sua família após ser libertado da Coreia do Norte.

A sua libertação seguiu-se a meses de intensa diplomacia, disseram as autoridades norte-americanas, acrescentando que não foram feitas concessões ao Norte em troca de King.

“Este incidente, na nossa opinião, demonstra que manter as linhas de comunicação abertas, mesmo quando os laços estão tensos, é uma coisa realmente importante a fazer e pode produzir resultados”, disse um alto funcionário do governo. 

“Nós, mais uma vez, estamos prontos para qualquer nova diplomacia (com a Coreia do Norte) que possa ser possível.”

Miller disse não ver o retorno de King como um sinal de um avanço mais amplo com a Coreia do Norte e que a China não serviu como mediadora no assunto, mas sim como um ponto de trânsito para o soldado.

A embaixada da China em Washington não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

depredacao-e-furtos:-lojas-como-a-da-apple-sao-saqueadas-em-noite-de-ataques,-e-mais-de-50-sao-presos-na-filadelfia;-veja-video

G1 Mundo

Depredação e furtos: lojas como a da Apple são saqueadas em noite de ataques, e mais de 50 são presos na Filadélfia; veja vídeo

A polícia afirma que prendeu 52 pessoas. Elas são acusadas de entrar ilegalmente nas lojas e de roubo. Entre elas, há 3 menores de idade. Pelo menos 30 já foram acusadas formalmente. Elas entraram nas lojas já depois do fim do expediente, quebrando os vidros. Encheram sacolas plásticas com o que conseguiram e tentaram escapar. Foi uma espécie de ataque simultâneo para furtar. Entraram em lojas de artigos esportivos, de […]

today28 de setembro de 2023 2

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%