G1 Santos

Surfista amanhece no mar e se impressiona com ‘espetáculo’ de golfinhos no litoral de SP; VÍDEO

today22 de dezembro de 2023

Fundo
share close

Noa Danucalov contou ter “se arrepiado inteiro” ao notar a presença dos golfinhos próximo ao Quebra-Mar, na madrugada de quarta-feira (20). Ao g1, ele explicou que surfa desde pequeno e está acostumado a encontrar um ou outro animal dentro da água, mas,, desta vez, foi pego de surpresa.

“Eu estava dando a volta ali na ilha, quando eu vi várias coisas vindo na minha direção. Quando eu olhei direitinho, vi que eram vários golfinhos. Eu já tive experiências com golfinhos em Santos, mas só um. Nunca vi tanto juntos. Tinha mais de vinte”, disse.

Noa gravou o momento em que encontrou os golfinhos no mar de Santos (SP). — Foto: Arquivo pessoal



No vídeo, que ultrapassa 9 mil curtidas no TikTok, o surfista e influencer registrou o despertar dele às 3h, a escolha da prancha para a remada, a saída de casa e o caminho solitário até a praia. Depois, no mar, filmou a chegada dos golfinhos e o nascer do sol.

Foi por volta das 4h20 que o jovem entrou na água e, exatamente uma hora depois, notou não estar mais sozinho. “Eles vieram na minha direção, ficaram dando algumas voltas e seguiram em direção à Ilha Porchat, no Itararé. Ficaram perto de mim uns 20 minutos”.

Noa surfa desde os 4 anos. Ele começou com o pai e, portanto, estar no mar sobre uma prancha tem muito significado e memórias afetivas. Sobre a experiência com os golfinhos, disse ter sido algo “espiritual”.

Ele se emocionou e, é claro, aproveitou para gravar conteúdos e alimentar o próprio Tiktok, onde tem mais de 532 mil seguidores. Até as condições meteorológicas colaboraram para o momento perfeito.

“Estava absolutamente lisinho o mar. Eu vi na previsão, no dia anterior, que não ia ter vento, que ia tá um dia bonito, que não ia chover de manhã. Então eu falei: cara, é o melhor dia. Para remar, geralmente, é melhor sem vento nenhum”, explicou.

Jovem se emocionou ao remar ao lado de golfinhos — Foto: Arquivo pessoal

Noa começou a postar conteúdo na praia durante a pandemia, quando resgatou vídeos antigos. “Eu sempre surfei com o meu pai. Na verdade, a gente ia junto na prancha, a gente tinha uma GoPro, uma câmera à prova d’água que ficava no bico da prancha. Então, gravava vários momentos da gente pegando onda junto”.

Para o surfista, que também trabalha com marketing digital, estar no mar é como uma “conexão com Deus”.

Em janeiro, Noa vai encontrar essa ligação espiritual no mar do Havaí. Ele contou que estar em casa é sempre muito bacana, pois traz várias memórias muito boas da infância dele. “Amo viajar o mundo mas adoro voltar para a Santos, a minha casa”, disse ele.

Ao g1, a bióloga Samantha Eva explicou que os golfinhos são cetáceos comuns em nossa costa, mas aparecem mais fora da região do estuário. Eles frequentemente acompanham as embarcações.

“Existem várias razões para o aparecimento desse grupo aqui no Emissário, por exemplo, podem ter vindo atrás de cardumes, fuga de predadores, desorientação, doenças e até curiosidade. Enfim, é impossível determinar o motivo específico desse grupo”, explicou.

Segundo ela, os golfinhos têm a reputação de “bonzinhos e amigáveis”, mas são animais selvagens. “Podem se tornar agressivos com as pessoas. Então, o melhor a se fazer é observar, apreciar o show desses mamíferos em seu habitat natural”.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

mae-de-crianca-com-sindrome-rara-perde-onibus-para-consulta-apos-motorista-se-negar-a-esperar-fechar-o-carrinho-de-bebe

G1 Santos

Mãe de criança com síndrome rara perde ônibus para consulta após motorista se negar a esperar fechar o carrinho de bebê

Uma mãe contou ter perdido uma viagem de ônibus de Mongaguá a Santos, no litoral de São Paulo, porque o motorista se recusou a esperá-la fechar um carrinho de bebê duplo. Segundo apurado pelo g1, nesta sexta-feira (22), ela estava com os dois filhos, de 11 meses e dois anos. O mais velho, com um tipo raro de epilepsia, demanda cuidados especiais. “Fico de mãos atadas”, lamentou. O caso ocorreu […]

today22 de dezembro de 2023 1

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%