G1 Santos

Três tartarugas são encontradas mortas em Praia Grande, SP

today24 de outubro de 2022 13

Fundo
share close

Três tartarugas mortas em avançado estado de decomposição foram encontradas na faixa de areia em Praia Grande, no litoral de São Paulo. Conforme apurado pelo g1, nesta segunda-feira (24), os animais eram das espécie verde e de couro. A causa da morte não foi divulgada, pois segundo o Instituto Biopesca, o estado dos animais impedem a avaliação.

Segundo a Guarda Costeira, os três animais foram localizados neste domingo (23). A Prefeitura de Praia Grande informou que as três carcaças dos animais foram enviadas ao Instituto Biopesca para avaliação da causa da morte, porém, segundo o Instituto, o estado de decomposição prejudica a determinação do motivo do óbito.

Tartarugas das espécies Oliva, Verde e de Couro foram encontradas mortas em Praia Grande — Foto: Divulgação/Instituto Biopesca



O instituto confirmou em nota que as três tartarugas marinhas foram levadas sem vida para a sede da unidade. Segundo o Biopesca, a primeira pertencia à espécie tartaruga-verde (Chelonia mydas) e foi entregue no período da manhã pelo Grupamento Costeiro da Guarda Civil Municipal de Praia Grande, que a encontrou encalhada na faixa de areia em frente à sua sede, na praia do Canto do Forte.

A segunda era uma tartaruga-de-couro (Dermochelys coriacea), e foi recolhida pela equipe do Instituto Biopesca depois de acionamento da GCM. A terceira tartaruga encontrada foi uma oliva (Lepidochelys olivacea). As duas últimas foram vistas na faixa de areia no período da tarde.

De acordo com o instituto, as três tartarugas estavam em avançado estado de decomposição, condição que prejudica a determinação da causa da morte. “Entre as principais ameaças às tartarugas marinhas, estão a poluição marinha, a ingestão de resíduos como plásticos e a captura acidental pela pesca”, ressaltou em nota.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

ucranianos-e-russos-com-origem-judaica-fogem-para-israel-em-meio-a-guerra

Gospel Prime

Ucranianos e russos com origem judaica fogem para Israel em meio a guerra

Desde a invasão da Rússia na Ucrânia, em 24 de fevereiro, cerca de 13 mil ucranianos de origem judaica realizaram o “aliá” ou emigraram. O termo em questão significa “ascensão” e é usado para conceituar o retorno de judeus a Israel, de acordo com a profecia escrita em Jeremias 31.8: “Vejam, eu os trarei da terra do norte e os reunirei dos confins da terra.” De acordo com dados internacionais, […]

today24 de outubro de 2022 17

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%