G1 Santos

Tsunami meteorológico é descartado por especialistas no litoral de SP; entenda

today12 de novembro de 2023 3

Fundo
share close

De acordo com Daniel Onias, coordenador da Defesa Civil de Santos, os fenômenos ligados a ciclones extratropicais, frentes frias ou sistemas de instabilidade como o registrado em Laguna (SC) tendem a se formar no Sul, próximo à Argentina, e atingem com mais intensidade aquela região.

Onias ressaltou que naquela área existem praias muito planas e, portanto, a água atinge avança por uma maior extensão territorial quando há alta das mares, agitação marítima com tempestades e ventos intensos.

O coordenador da Defesa Civil ressaltou que o fenômeno do último sábado (11) em Santa Catarina é bem diferente do tsunami comum, no qual ondas gigantes se formam no oceano por causa de abalos sísmicos com poder destrutivo bem superior.



Para os próximos dias, não são esperados fenômenos meteorológicos oceânicos como ressacas de forte intensidade. Sempre que há a possibilidade de uma ressaca, que chamamos de maré anômala ou meteorológica, emitimos alertas com até cinco dias de antecedência”, afirmou.

O técnico da Defesa Civil Pacita Franco ressaltou que não há previsão de maré anômala ou ondas elevadas para os próximos dias. “O que ocorreu em Laguna (SC) foi a entrada de uma instabilidade local, devido a uma tempestade, uma linha de instabilidade, acompanhada por ventos intensos que gerou a ondulação”, explicou.

Carros boiando durante tsunami meteorológico em Laguna — Foto: Reprodução

Onias também chamou a atenção para um plano de contingência que a cidade de Santos adota em situações semelhantes.

Quando a maré está acima de 1,8 m, há previsão de ondas acima de 2,5 m e ventos acima de 60 km/h, a população é orientada a tomar cuidados. Alguns deles são evitar estacionar no subsolo próximo à orla da praia e não ficar embaixo de árvores ou redes elétricas.

Um tsunami meteorológico arrastou carros e assustou banhistas da Praia do Cardoso, em Laguna, na tarde deste sábado. A Defesa Civil de Santa Catarina informou que o fenômeno é de “difícil previsão”.

Na ocasião, um pescador relatou ao g1 local que o tempo estava bom e “a maré subiu de repente e ficou muito alta” por volta das 16h. Segundo Marcio Goulart Nascimento, a praia estava cheia de turistas, sendo que muitas pessoas correram e gritaram. O Corpo de Bombeiros informou que ninguém se feriu.

De acordo com a Coordenadoria de Monitoramento e Alertas da Defesa Civil, o tsunami meteorológico normalmente está atrelado a algum sistema meteorológico, como linhas de instabilidade, como foi o caso desta ocorrência.

“As linhas de instabilidade são formadas por células de tempestades aproximadamente contínuas, dispostas de forma alinhada. Quando passam paralelas à costa, podem gerar mudanças bruscas de pressão atmosférica e rajadas de vento intensas que colaboram para o avanço da água do mar em direção à praia”, detalhou o órgão, em nota.

Ainda segundo a Defesa Civil catarinense, o final da tarde e o início da noite de sábado foram de instabilidades associadas a temporais em pontos do Planalto Sul e, principalmente, no litoral de Santa Catarina. Houve o avanço de uma frente fria pelo oceano. Os temporais provocaram rajadas de vento intensas no Litoral Sul, onde ultrapassaram os 90 km/h.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

santos-lanca-2o-concurso-de-arte-preta-da-cidade-e-vai-distribuir-r$-200-mil-a-projetos-aprovados

G1 Santos

Santos lança 2º Concurso de Arte Preta da cidade e vai distribuir R$ 200 mil a projetos aprovados

Com a premissa de reconhecer a contribuição da população negra à sociedade, a Prefeitura de Santos lançou o 2º Concurso de Arte Preta. Interessados podem se inscrever a partir desta segunda-feira (13) e até 12 de janeiro de 2024. O edital vai oferecer o total de R$ 200 mil, divididos entre 10 projetos culturais. O concurso é voltado a pessoas físicas ou jurídicas, com ou sem fins lucrativos. Elas devem […]

today12 de novembro de 2023 1

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%