G1 Mundo

Ucrânia afirma que destruiu navio de guerra russo na Crimeia

today14 de fevereiro de 2024 3

Fundo
share close

“As Forças Armadas ucranianas, com unidades de inteligência militar, destruíram um grande navio de desembarque, o ‘Cesar Kunikov'”, anunciou o Estado-Maior do Exército em seu canal do Telegram.

O Departamento de Inteligência Militar (GUR) da Ucrânia afirmou que conseguiu abrir um buraco no lado esquerdo do navio e que a embarcação “começou a afundar”.

Segundo o GUR, o navio tem capacidade abrigar 87 tripulantes e foi utilizado pela Rússia nas guerras contra a Geórgia, em 2008, e na Síria mais recentemente.



O Ministério da Defesa da Rússia não se pronunciou até o momento sobre a reivindicação de Kiev, mas afirmou que derrubou seis drones ucranianos “nas águas do Mar Negro”.

Por sua vez, o novo comandante em chefe do Exército ucraniano, Oleksander Sirski, anunciou que visitou as áreas mais sensíveis da frente de batalha leste ao lado do ministro da Defesa, Rustem Umerov, poucos dias antes do aniversário de dois anos da invasão russa.

Sirski afirmou que a situação na região é “extremamente complexa e tensa”.

“Os ocupantes russos continuam aumentando os esforços e superam as forças ucranianas em número”, afirmou Sirski no Telegram. “Estamos tomando todas as medidas possíveis para minimizar nossas perdas e salvar as vidas de nossos soldados”.

Durante a noite, as autoridades da cidade de Donetsk, leste da Ucrânia, informaram que bombardeios russos mataram três pessoas, incluindo uma criança. Os ataques aéreos atingiram nove blocos de apartamentos e um hospital em Selydove, quase 20 quilômetros ao oeste da frente de batalha.

Doze pessoas ficaram feridas nos bombardeios, incluindo quatro crianças, segundo o Conselho Municipal.

O governador da região de Donetsk, Vadim Filashkin, citou dois bombardeios: o primeiro às 23H30 de terça-feira (18H30 de Brasília) e o segundo durante a madrugada. Mais de 100 pacientes foram retirados do hospital atingido e transferidos para municípios da região.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

travessia-de-balsas-entre-santos-e-guaruja,-sp,-e-paralisada-por-horas-e-causa-transtornos;-video

G1 Santos

Travessia de balsas entre Santos e Guarujá, SP, é paralisada por horas e causa transtornos; VÍDEO

A travessia de balsas de pedestres e ciclistas entre Santos e Vicente de Carvalho, distrito de Guarujá, no litoral de São Paulo, ficou sem funcionar na manhã desta quarta-feira (14) após ter sido paralisada para manutenção. A Secretaria de Meio Ambiente, Infraestrutura e Logística (Semil) disse que, por questões climáticas, os trabalhos de instalação de novo flutuante sofreram atraso, impactando no retorno do serviço. A travessia foi paralisada às 20h […]

today14 de fevereiro de 2024 1

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%