G1 Mundo

VÍDEO: Candidato do Equador desafiou tráfico antes de ser assassinado: ‘que venham os mafiosos’

today10 de agosto de 2023 6

Fundo
share close

“Que venham os chefes do tráfico, que venham mafiosos”, disse, na ocasião, Villavicencio, que foi morto a tiros na noite de quarta-feira (9).

Na gravação, feita em um comício dias antes na cidade de Chone, na região central do Equador, ele diz ainda que recebeu a recomendação para usar colete à prova de balas, mas que não usaria o equipamento.

“Escutem bem: me disseram para usar o colete (a prova de balas). Aqui estou, de camisa suada, caralho. Vocês são…vocês são meu colete a prova de balas. Eu não preciso…vocês são um povo valente, e eu sou valente como vocês. São vocês que cuidam de mim. Aqui estou. Disseram que vão me quebrar. Aqui estou (…) que venham os chefes do tráfico de drogas, os mafiosos, que venham os vacinadores. Acabou a época de ameaças. Vão me quebrar? Podem me dobrar, mas nunca vão me quebrar”.



Villavicencio foi morto ao deixar um comício na capital, Quito, na noite de quarta-feira (9). Ele foi atingido por três tiros na cabeça ao entrar em um carro.

O Equador vive um dos momentos mais violentos de sua história moderna, com índices de violência em níveis recorde, e, nos últimos meses, grupos mafiosos – que chegam a controlar regiões inteiras do país – começaram a intimidar políticos.

Vídeo mostra o momento em que o candidato à presidência do Equador é assassinado

Vídeo mostra o momento em que o candidato à presidência do Equador é assassinado

Antes de se candidatar à presidência do Equador, Fernando Villavicencio era jornalista investigativo em seu país e denunciou diversos esquemas de corrupção.

O cientista político Maurício Santora afirmou que o trabalho de Villavicencio tinha como foco denúncias envolvendo o narcotráfico e a corrupção da elite política do país.

“Ele mexeu em interesses de muitos poderosos”.

Na disputa pela presidência, uma pesquisa de intenção de voto publicada na terça-feira (8) apontou que Villavicencio estava em 5º lugar, segundo o jornal “El Universo”.

Por meio de nota, o Itamaraty disse ter tomado conhecimento do caso “com profunda consternação”.

“Ao manifestar a confiança de que os responsáveis por esse deplorável ato serão identificados e levados à justiça, o governo brasileiro transmite suas sentidas condolências à família do candidato presidencial e ao governo e povo equatorianos.”

Atentado no Equador: Entenda o contexto político do país

Atentado no Equador: Entenda o contexto político do país




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

turistas-no-espaco:-virgin-galactic-completa-2o-voo-comercial

G1 Mundo

Turistas no espaço: Virgin Galactic completa 2º voo comercial

A Virgin Galactic realizou nesta quinta-feira (10) a sua 2ª missão totalmente comercial com turistas. A aeronave VSS Unity decolou e pousou no Novo México, nos Estados Unidos, e levou três turistas e uma instrutora da empresa. A 1ª missão comercial ao espaço da empresa foi realizada em 29 de junho e tinha como objetivo realizar experimentos sobre microgravidade. Como em outras viagens da Virgin Galactic, a VSS Unity decolou […]

today10 de agosto de 2023 3

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%