Pleno News

A linda cidade de Maceió clama por socorro

today4 de dezembro de 2023 2

Fundo
share close

A capital de Alagoas é cidade com potencial turístico imenso e tradições de acolhimento, mas foi abalada por extrações minerais irresponsáveis da empresa Braskem

Marco Feliciano – 04/12/2023 10h55

Maceió (AL)

Praia da Pajuçara, Maceió, Alagoas Foto: Jonathan Lins / Secom Maceió

Maceió, capital do estado de Alagoas, cidade com potencial turístico imenso e tradições de acolhimento a brasileiros de todo o país. Além de uma geografia privilegiada, com um clima tropical que fecha um círculo de benesses celestiais. Tudo isso foi abalado por extrações minerais irresponsáveis por parte da empresa Braskem que há décadas explora jazidas de sal no subsolo de Maceió, sem a contrapartida de reparar a erosão do subsolo, compatível com o minério retirado. Medida essa adotada por todas as mineradoras que se submetem ao critério ESG (sustentabilidade ambiental, social e de governança corporativa).

Há décadas, existem registros de denúncias quanto à atuação dessa empresa. Mas ao que parece com a omissão deliberada dos governos esquerdistas que ainda oferecem incentivos fiscais a ela.



Área em Maceió que corre risco de colapsar Foto: EFE/Thiago Sampaio

Farei consultas ao Ministério Público Federal a fim de avaliar as medidas adotadas com o objetivo de bloquear as atividades dessa empresa, no escopo de evitar o agravamento dos efeitos geológicos que poderão ocasionar mais desabamentos de solo, colocando em risco as famílias de menos poder aquisitivo, que não conseguem se realocar com a celeridade exigida no momento. Também, acionarei o Ministério das Cidades para que providencie locais de moradia para a população mais vulnerável, em substituição aos locais interditados por conta do risco de mais desmoronamentos.

Finalizo pedindo a Deus que ilumine nossos governantes para que assistam esse povo mais humilde de Maceió com a urgência necessária. E que Ele derrame as mais escolhidas bênçãos celestiais a todos os desabrigados de Maceió.

Marco Feliciano é pastor e está em seu quarto mandato consecutivo como deputado federal pelo Estado de São Paulo. Ele também é escritor, cantor e presidente da Assembleia de Deus Ministério Catedral do Avivamento.

* Este texto reflete a opinião do autor e não, necessariamente, a do Pleno.News.

Leia também1 Maceió: Defesa Civil alerta para “risco de colapso” em mina

2 AL: Colapso de mina pode abrir cratera do tamanho do Maracanã

3 Área em Maceió que corre risco de colapsar sofre mais um tremor

4 Empresa causadora de desastre em Maceió participa da COP28

5 Maceió: Risco de deslocamento de terra diminui, diz relatório

Siga-nos nas nossas redes!

O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Pleno News.

Por: Marco Feliciano

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

eme-ambientes-renova-o-conceito-de-moveis-planejados-na-baixada-santista

G1 Santos

EME Ambientes renova o conceito de móveis planejados na Baixada Santista

Para atender a todas essas demandas, os sócios Pedro Mancini, Mônica Azevedo, Wagner Ronaldo e Luiz Madeira abriram uma empresa especializada em móveis planejados que está revolucionando o segmento: a EME Ambientes. Enquanto Pedro e Mônica orquestram o operacional, Wagner e Luiz lideram o conselho empresarial, colocando todo seu know-how na visão geral do negócio e promovendo a maximização do retorno sobre os investimentos. Um quarteto que vem alavancando e […]

today4 de dezembro de 2023

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%