G1 Santos

Adolescente atingida por raio no litoral de SP grava vídeo após receber alta hospitalar: ‘passando aqui para agradecer’

today21 de janeiro de 2024 1

Fundo
share close

Millena foi uma das sete pessoas atingidas por um raio durante uma tempestade na tarde do último sábado (20). Uma das vítimas, uma idosa de 68 anos, morreu. A adolescente estava perto de uma barraca de praia, por volta de 13h30, quando sentiu a descarga elétrica.

Após ser atingida pelo raio, Millena conseguiu deixar a faixa de areia, pediu socorro e foi hospitalizada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Samambaia.

“Oi, gente, boa tarde. Me chamo Milena, tenho 16 anos. Ontem (sábado) fui atingida pelo raio. Estou passando aqui para agradecer a todo mundo que rezou, que orou por mim. Obrigada aos meus familiares”, disse na gravação.



Millena também garantiu estar bem e se recuperando, apesar de sentir dores. A mãe dela, a auxiliar de serviços gerais Camila Monteiro, de 43 anos, informou, no entanto, que a filha tem se mostrado mais ansiosa.

Adolescente estava em um carrinho de praia no momento da descarga; ela recebeu alta neste domingo (21) — Foto: Arquivo pessoal

De acordo com Camila, a adolescente vem se queixando de dores de cabeça e no peito. Na manhã deste domingo, ela ainda estava sob efeito de diazepam (calmante).

A adolescente contou à mãe que estava em um carrinho de praia no momento da descarga elétrica. Segundo ela, a gerente de 18 anos, que segue internada, estava apoiada em uma base de alumínio e mexendo no celular.

“O médico falou que, se minha filha se sentir alguma dor, para voltar. Mas está em estado de choque. E agora vamos aguardar. Eu creio em Deus [para que] ela não sinta mais nada e que dê tudo certo”, afirmou.

Camila relatou que a filha entrou em desespero ao ser atingida pelo raio. Ela conseguiu deixar a faixa de areia, ir até a avenida da praia e pedir atendimento, sendo socorrida no local.

Banhistas são atingidos por raio em praia do litoral de SP

Banhistas são atingidos por raio em praia do litoral de SP

Sete pessoas foram atingidas por um raio, sendo que uma morreu, na tarde deste sábado (20), na praia da Vila Caiçara, em Praia Grande, no litoral de São Paulo. Seis banhistas seguem hospitalizados.

Imagens obtidas pelo g1 mostram um guarda-vidas fazendo massagem cardiopulmonar na mulher que morreu antes dela ser conduzida à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Samambaia (veja abaixo).

O GBMar socorreu a vítima fatal e outras três vítimas, de 16, 31 e 38 anos. Estas estavam conscientes e foram levadas ao pronto-socorro Central, onde permanecem sob cuidados médicos e estáveis. As demais vítimas seriam turistas.

As demais três vítimas, de acordo com o GBMar, foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e 6° GB de Bombeiros de Praia Grande.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

sp-tem-500-desabrigados-e-4-mortes-por-conta-das-chuvas

G1 Santos

SP tem 500 desabrigados e 4 mortes por conta das chuvas

Os municípios mais atingidos são Sorocaba (SP) e Socorro (SP), na região de Campinas. As cidades vão receber ajuda humanitária do governo de São Paulo. "Foram enviados para o município de Sorocaba cerca mil itens de ajuda humanitária e cerca de 600 itens para Socorro". Veja os números: Sorocaba (SP): 486 desabrigadosSocorro (SP): 14 desabrigados Um dia após temporal, moradores ainda sofrem com alagamentos em regiões de Sorocaba Imagens mostram […]

today21 de janeiro de 2024 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%