G1 Santos

Adolescente que nasceu em ano bissexto comemora aniversário pela 4ª vez: ‘me sinto um alienígena’

today29 de fevereiro de 2024 9

Fundo
share close

Um dia que só existe no calendário a cada 4 anos: 29 de fevereiro, mas que para o estudante Franklin Telles, de 16 anos, é a data mais esperada. Por causa do ano bissexto, nesta quinta-feira (29), o morador de Mongaguá, no litoral de São Paulo, comemorará o aniversário pela quarta vez desde que nasceu em 2008. “É bem estranho. Me sinto um alienígena, às vezes, por fazer aniversário de 4 em 4 anos”.

O ano bissexto foi criado pelos romanos para adequar o calendário ao tempo que o planeta Terra leva para dar uma volta completa em torno do Sol, que ocorre em 365 dias, 5h, 48 min e 36 seg. Essa ‘sobra’ é arredondada para 6h e, após 4 anos, somam-se 24h, ou seja, um dia a mais no ano, 29 de fevereiro.

Ao g1, Franklin contou que a família sempre ficava tirando sarro dele na hora de presenteá-lo por ter nascido em um dia que só existe a cada 4 anos. Já na escola, os amigos não entendiam.



“A sensação é de alívio porque estou desde 2020 esperando meu aniversário e quando chegou 2020 também fiquei super aliviado porque estava esperando desde 2016”, disse ele.

O adolescente, que é apaixonado por dança, disse que gosta de comemorar a data com a família e os amigos, e contou, ainda, que sempre recebe as felicitações no dia anterior, pois não consegue cadastrar a data correta nas redes sociais. “Tenho que colocar 28 [de fevereiro] porque fica inválido dia 29”.

Franklin Telles contou como é estranho fazer aniversário no dia bissexto, mas que todos da família ficam ansiosos esperando o dia — Foto: Arquivo Pessoal

A mãe e técnica de enfermagem Priscila Telles Paulino, de 39 anos, disse que não sabia que o dia 29 de fevereiro só aparecia no calendário a cada 4 anos e só soube na hora de registrar o filho no cartório. Ela disse que o escrivão sugeriu que fizesse o registro um dia antes ou depois.

“Foi quando fui entender certinho sobre ano bissexto, do dia bissexto, da história do dia 29. Além de ser meu filho, nasceu em um dia muito especial, então quis registrar no dia 29”, disse ela.

A primeira festa de Franklin ocorreu em 2012, quando ele tinha 4 anos. Na ocasião, Priscila disse que fez um bolo com quatro personagens para representar cada um dos anos do filho.

Ela contou que nos demais anos o aniversário do filho é comemorado no dia 28 de fevereiro para festejar no mesmo mês em que ele nasceu. “É muito engraçado, tudo muito diferente porque ele é o único que nasceu nesse dia especial. Todo mundo fica bem ansioso para chegar”.

Estudante de 16 anos nasceu em 29 de fevereiro de 2008, ano bissexto — Foto: Arquivo Pessoal

Segundo a Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo (Arpen/SP), os cartórios devem retratar fielmente a realidade dos fatos, ou seja, se a criança nasceu em 29 de fevereiro, registrá-la com essa data.

“Nós, como registradores, devemos obedecer exatamente o fato jurídico. Então, se a criança nasceu no dia 29 de fevereiro, nós vamos registrar esse fato”, disse o presidente da Arpen/SP, Leonardo Murari de Lima.

Nascimento de crianças em ano bissexto na região

Fonte: CRC Nacional

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

familia-de-menino-com-sindrome-rara-que-causou-malformacoes-luta-por-cirurgia-nos-labios

G1 Santos

Família de menino com síndrome rara que causou malformações luta por cirurgia nos lábios

A família de um menino de três anos, nascido com uma rara anomalia genética congênita, que causou malformações na boca, pés e mãos, luta por uma cirurgia para garantir mais qualidade de vida ao pequeno. Morador de Cubatão (SP), Lucca Daniel Souza de Oliveira é alvo de uma campanha que pretende arrecadar R$ 25 mil para uma operação de correção dos lábios e o pós-cirúrgico. Lucca tem a Síndrome EEC […]

today29 de fevereiro de 2024 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%