G1 Mundo

Alvo de operação da PF contra garimpo ilegal no AM é capturado nos EUA

today8 de julho de 2023 5

Fundo
share close

De acordo com a Polícia Federal, a prisão foi efetuada pela Federal Law Enforcement (Agência Federal Norte Americana).

O homem teve um mandado de prisão emitido contra ele na divisão vermelha da Interpol (Organização Internacional de Polícia Criminal).

Segundo a PF, ele é o líder da organização criminosa que atua no garimpo ilegal na região conhecida como Filão dos Abacaxis, sul do Amazonas, município do Maués-AM, desde a década de 1980.



A Polícia Federal informou, ainda, que o homem recebeu R$ 4 milhões, depositados na conta da enteada dele, e fugiu para os Estados Unidos. “O preso encontrava-se em situação irregular e aguarda procedimento para deportação”, destacou a PF.

Operação Déjà Vu contra garimpo ilegal na região Filão dos Abacaxis no Amazonas — Foto: PF-AM

No dia 19 de abril deste ano, a Polícia Federal deu início à Operação Déjà Vu com o objetivo de reprimir crimes como a usurpação de bens públicos da União, organização criminosa e lavagem de dinheiro.

Todos os crimes estão relacionados ao garimpo ilegal na região conhecida como Filão dos Abacaxis, em Maués, no Amazonas.

Durante a operação, foram cumpridos seis mandados de prisão temporária e dez ordens judiciais de busca e apreensão emitidas pela 7ª Vara Federal Criminal da Seção Judiciária do Amazonas, nas cidades de Manaus e Nova Olinda, no Amazonas; Goiânia, em Goiás; Itaituba, no Pará; e Campo Grande, no Mato Grosso do Sul.

Os crimes investigados abrangem a usurpação de bens públicos da União, a extração ilegal de minerais sem autorização dos órgãos competentes, o uso de substâncias perigosas ou nocivas à saúde e ao meio ambiente (como mercúrio/cianeto), a formação de organizações criminosas, a lavagem de dinheiro e a prática de trabalho escravo ou similar.

Somadas, as penas máximas para esses crimes ultrapassam 30 anos de prisão.

Vídeos mais assistidos do Amazonas




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

grupo-anti-lgbtqia+-interrompe-festival-do-orgulho-na-georgia;-video

G1 Mundo

Grupo anti-LGBTQIA+ interrompe Festival do Orgulho na Geórgia; vídeo

Cerca de 2 mil pessoas anti-LGBTQIA+ interromperam um festival do Orgulho em Tbilisi, capital da Geórgia, neste sábado (8). Elas brigaram com a polícia e destruíram adereços, incluindo bandeiras de arco-íris e cartazes, segundo a Reuters. Não há relatos de feridos. Um vídeo mostra o grupo tentando quebrar barreiras da polícia no festival. Eles levaram uma faixa na qual estava escrito "Pare de promover propaganda homossexual na Geórgia" e queimaram […]

today8 de julho de 2023 2

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%