G1 Mundo

Após Putin ser xingado por Biden, Kremlin diz que presidente dos EUA tenta parecer ‘cowboy de Hollywood’

today23 de fevereiro de 2024 7

Fundo
share close

Em discurso de campanha, Joe Biden chamou presidente russo de ‘FDP louco’. Governo da Rússia disse que fala degrada os Estados Unidos.


Montagem põe lado a lado o presidente americano Joe Biden e o presidente russo Vladimir Putin — Foto: AFP



Após Vladimir Putin ser chamado de “FDP louco” por Joe Biden, o governo russo afirmou que o presidente dos Estados Unidos tenta parecer um “cowboy de Hollywood”. A resposta foi dada nesta quinta-feira (22).

Biden xingou Putin durante um evento de campanha em São Francisco, na Califórnia, na quarta-feira (21). Em inglês, o presidente usou as três letras “SOB”, abreviação de “son of a bitch” — insulto que pode ser traduzido para o português como “filho da puta”.

Em resposta, o Kremlin afirmou que o comentário de Biden degrada os Estados Unidos e pessoas que usam esse tipo de vocabulário.

O governo russo também disse que o uso “dessas palavras” não atinge Putin, mas soam uma tentativa fraca de Biden parecer um “cowboy de Hollywood”.

“É improvável que o uso de tal linguagem contra o chefe de outro Estado pelo presidente dos Estados Unidos prejudique o nosso presidente, o presidente Putin”, disse o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov.

“Putin alguma vez usou uma palavra grosseira para se dirigir a você? Isso nunca aconteceu. Portanto, acho que esse vocabulário rebaixa a própria América.”

No discurso na Califórnia, Biden quis demonstrar sua preocupação com um conflito nuclear. Em outras oportunidades, o presidente norte-americano também chamou Putin de “carniceiro” e “criminoso de guerra”.

VÍDEOS: mais assistidos do g1




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

suspeito-de-matar-irmas-brasileiras-no-japao-e-julgado-quase-10-anos-apos-crime;-mp-japones-pede-prisao-perpetua

G1 Mundo

Suspeito de matar irmãs brasileiras no Japão é julgado quase 10 anos após crime; MP japonês pede prisão perpétua

As irmãs nasceram em Campo Grande (MS) e atravessaram um continente em busca de trabalho e melhores condições para os filhos e a família. Michelle e Akemy estavam morando há nove anos em Handa, na província de Aichi, região central do Japão, quando foram assassinadas. Nesta reportagem, você vai ver: 1. Incêndio em apartamento Michelle Maruyama, 29 anos, e Akemy Maruyama, 27, foram encontradas mortas no dia 30 de dezembro […]

today23 de fevereiro de 2024 2

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%