G1 Santos

Bebê de um ano é internada com sinais de espancamento; Polícia Civil pede medida protetiva contra pai e madrasta

today31 de maio de 2023 14

Fundo
share close

Uma bebê, de apenas um ano, foi internada com ferimentos e hematomas pelo corpo no Hospital Irmã Dulce, em Praia Grande, no litoral de São Paulo. Conforme apurado pelo g1, a criança foi levada pela madrasta a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) no município após passar mal em casa. A Polícia Civil já solicitou medida protetiva, que obriga o pai da menina e a mulher dele a manter distância da vítima, que está sob os cuidados de uma tia.

A criança deu entrada na UPA Quietude na noite do último domingo (28). A madrasta, que não teve o nome divulgado, prestou depoimento na Central de Polícia Judiciária (CPJ) do município.

A mulher afirmou que os hematomas apareceram após a bebê cair no chão, uma vez que ela ainda não consegue se manter em pé com firmeza. A mulher foi liberada na sequência. O pai e a mãe não foram localizados.



Em entrevista à TV Tribuna, emissora afiliada à Rede Globo, o delegado Edson Bianchi Júnior, da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) do município, que investiga o caso, explicou que a medida protetiva, além de obrigar o pai e a madrasta a manterem distância para a vítima, também proíbe qualquer tipo de comunicação dos dois com a vítima ou com a tia dela.

Segundo o delegado, o Conselho Tutelar também deve encaminhar o caso ao Ministério Público para aplicar uma medida de proteção na área cível, que vai decidir sobre a guarda da criança.

Se poderá voltar à convivência com o pai ou se o indicado para ela se livrar da situação de risco, por ora, é ficar com a tia“, explicou.

A Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP) informou, por meio de nota, que a Polícia Civil investiga a ocorrência de maus-tratos. Segundo a corporação, uma funcionária do Conselho Tutelar compareceu à CPJ, informando que foi acionada a UPA Quietude após uma criança de um ano ter dado entrada com diversos ferimentos e hematomas.

Ainda de acordo com o delegado, o Conselho Tutelar afirmou à corporação que recebeu outras denúncias sobre maus-tratos da criança no início do ano. Porém, segundo ele, o atendimento médico não constatou lesões na época e, por isso, o caso não chegou à delegacia.

O g1 entrou em contato com o Conselho Tutelar, em busca de mais informações sobre o caso e as denúncias anteriores, mas não obteve um retorno até a última atualização desta reportagem.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

alianca-de-mulher-perdida-pelo-filho-antes-de-cerimonia-e-encontrada-na-rua-e-devolvida-por-desconhecido:-‘gratificante’;-video

G1 Santos

Aliança de mulher perdida pelo filho antes de cerimônia é encontrada na rua e devolvida por desconhecido: ‘gratificante’; VÍDEO

A 'saga' da aliança comemorativa de bodas de esmeralda de uma mulher, perdida pelo próprio filho dela minutos antes da cerimônia, chegou ao fim. O objeto foi encontrado por um desconhecido da família, que viajou de São Paulo até Praia Grande (SP) para fazer a devolver a joia. Ao g1, o arquiteto Júnior Gonçalves, que entregou o anel da própria noiva para que a cerimônia não fosse cancelada, contou nesta […]

today31 de maio de 2023 17

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%