G1 Mundo

Brasileira que mora no México acusa ex-marido de levar documentos dos filhos do casal para impedi-la de deixar o país

today28 de julho de 2023 5

share close

Em um vídeo publicado nas redes sociais, Márcia Garcia, que é advogada, pede ajuda para conseguir voltar ao Brasil. Segundo ela, o ex-marido está com os dois passaportes dos dois filhos.

“Estamos aqui em estado de vulnerabilidade absoluta”.

Brasileira que mora no México acusa ex-marido de levar documentos dos filhos do casal para impedi-la de deixar o país — Foto: Reprodução EPTV



Márcia é natural de Campo Belo, no Sul de Minas. Tudo começou em 2016, quando ela se casou com o português Francisco Gaspar Almeida. Já em 2017, o casal se mudou a trabalho para a Alemanha.

Dois anos depois, o então marido de Márcia foi transferido para o México, para trabalhar na cidade de Puebla. Foi nesse período que ela entrou com um pedido de divórcio. Ela alega que vinha sofrendo vários tipos de violência por parte do ex-marido.

“Violência econômica, violência física, violência patrimonial e todo tipo de violência e eu resolvi me separar dele. E ele foi em 7 de outubro de 2021, foi retirado de casa por ordem judicial pela violência que eu sofria”, contou a advogada.

Segundo Márcia, em outubro de 2021, após sair de casa, o ex-marido desapareceu com as crianças por nove meses. Foi então que a vítima entrou na Justiça e conseguiu a guarda compartilhada.

“Eu entrei com todo o pedido para a guarda e tudo mais, e nós entramos em um acordo, um convênio, onde a guarda é compartilhada. Nós tínhamos a pensão, determinada pelo juiz, no dia 10 de março paramos de receber a pensão. E dia 24 de fevereiro deste ano, ele deixou as crianças comigo e nunca mais regressou”, disse a mulher.

A mulher entrou em contato com a embaixada brasileira no México e tenta localizar o ex-marido e reaver os documentos das crianças.

“Nós estamos aqui em desespero, eu com duas crianças, sem poder sair do país, sem ter autorização judicial para sair do país”, concluiu.

Brasileira que mora no México acusa ex-marido de levar documentos dos filhos do casal para impedi-la de deixar o país — Foto: Reprodução EPTV

O irmão de Márcia, que mora em Campo Belo, conta que visitou a irmã na Alemanha e no México. Segundo ele, aos poucos percebeu a relação abusiva em que ela vivia.

“A gente foi alertando ela: ‘Olha, cuidado onde você tá pisando, cuidado que não é o negócio não é do jeito que você está pensando”, disse o irmão de Márcia, Adriano Cardoso Garcia.

A família espera que os documentos sejam recuperados e que todos retornem ao Brasil.

“Nós estamos tentando junto às autoridades, inclusive amigos aqui que têm contato com cônsul, embaixada, uma maneira de confeccionar novos passaportes. Cancelar é fácil, o problema é arrumar outros passaportes para eles virem, para eles voltarem para o Brasil, onde ela tem residência, tem família, tem trabalho, pra voltar à vida normal”, concluiu o irmão.

Em nota, o Ministério das Relações Exteriores, através da Embaixada do Brasil na Cidade do México, informou que já tem conhecimento do caso e que presta assistência à brasileira.

A EPTV Sul de Minas, Afiliada Rede Globo, também procurou o ex-marido de Márcia. Ele disse por mensagem que não iria se posicionar sobre o assunto.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

G1 Mundo

Presidente Boluarte invoca pacto de reconciliação no Peru em meio a protestos em Lima

Boluarte, que assumiu o poder em 7 de dezembro após a destituição e prisão do então mandatário, Pedro Castillo, pediu perdão pelas dezenas de vítimas, entre mortos e feridos, registradas nos protestos que eclodiram após a queda de seu antecessor. "Com profunda e dolorosa consternação, peço perdão, em nome do Estado, aos familiares de todos os falecidos, civis, policiais e militares", assinalou a presidente. Boluarte se dirigiu à nação por mais de três horas na sede do Parlamento, sob forte […]

today28 de julho de 2023 5

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%