G1 Santos

Cão se recupera de doença intestinal e tutora o leva para conhecer a praia: ‘é um sobrevivente’; VÍDEO

today10 de abril de 2024 1

Fundo
share close

A veterinária Beatriz Toledo, de 31 anos, levou o cachorro Dante para conhecer a praia. O animal esteve em tratamento, por um ano, devido a uma doença intestinal crônica, e agora está melhor. Em vídeos obtidos pelo g1, nesta quarta-feira (10), é possível vê-lo feliz e explorando a Praia de Maitinga, em Bertioga, no litoral de São Paulo (assista acima).

‘Ele é um sobrevivente. Eu realmente achei que não ia viver’, disse a tutora sobre o cão da raça Leão da Rodésia, que está com um ano e nove meses. A visita à praia aconteceu no último final de semana, e as imagens foram gravadas no sábado (6).

Cachorro Dante com a tutora, Beatriz, em praia de Bertioga (SP) — Foto: Arquivo pessoal



Beatriz e o noivo moram em São Paulo e começaram a cuidar de Dante quando ele ainda filhote. Ao g1, ela contou que sempre quis levá-lo à praia, mas que foi impedida devido ao problema gastrointestinal do animal.

Segundo a mulher, com poucos dias de vida ele teve uma obstrução severa no intestino delgado que o levou à mesa de cirurgia por duas vezes. Os sintomas incluíam vômito e diarreia.

A tutora contou que os veterinários que cuidaram de Dante conseguiram ajudá-lo com as cirurgias, e que o animal ganhou qualidade de vida. O animal passou por diversos exames e o diagnóstico final foi: doença inflamatória intestinal.

Cão se recupera de doença intestinal e tutora o leva para conhecer a praia: ‘é um sobrevivente’ — Foto: Arquivo pessoal

É crônica [doença], mas ele está estável já tem uns 8 meses, sem recidivas, apenas com tratamento de manutenção através da dieta adaptada”, disse.

Em respeito ao processo de recuperação e aos riscos, Beatriz decidiu a ida à praia com Dante. Após alguns meses de estabilidade e muita conversa com a veterinária gastrointestinal do pet, enfim o animal pôde curtir um dia de sol no litoral de São Paulo.

Durante a infância, Beatriz passava as férias no apartamento que a família tem em Guarujá. Os pais nunca deixaram que ela levasse os cachorros à praia. Agora adulta, decidiu que mudaria isso.

“Era mais aquela coisa de que, toda vez que eu era criança, eu via as pessoas passeando com o cachorro na praia e falava ‘nossa, deve ser muito legal’. E eu nunca tinha tido a oportunidade de fazer isso. Dessa vez, eu tive”.

A veterinária contou que gosta de levar o pet para lugares abertos para estimular o contato com a natureza, permitindo também a expressão de comportamentos naturais que seriam inviáveis na cidade grande.

Beatriz e Dante na praia de Maitinga, em Bertioga (SP) — Foto: Arquivo pessoal

Cuidados com pets na praia

Como veterinária, Beatriz entende que há alguns riscos em levar um cachorro à praia. O primeiro e mais grave é que no litoral de São Paulo, principalmente em Guarujá e em Bertioga, pode ocorrer a infecção pelo “verme do coração” – a Dirofilaria immitis.

“É transmitida através da picada de mosquitos infectados, mais ou menos como acontece com a dengue. A larva do verme sofre algumas mudanças de estágio ainda dentro do mosquito e, depois, é transmitida no momento da picada”, explicou.

Um segundo risco é a intoxicação pela ingestão de água salgada. Em excesso, isso pode levar a um desequilíbrio no sistema gastrointestinal e no organismo como um todo, causando diarreia e vômito severos. Caso isso ocorra, o tutor deve manter o pet hidratado com água potável.

Ela pontuou um terceiro risco: nem todo cachorro nasce sabendo nadar. “O animal é sempre na guia, sempre, sempre, sempre. Porque você nunca sabe o que vai acontecer”.

“Foi maravilhoso, ele amou. Eu acho que, de todos os lugares que a gente já foi, foi o que ele mais gostou. Porque ele gosta muito de água. Então, apesar de toda essa restrição, eu deixei ele entrar na água, entrei com ele, tomamos todos os devidos cuidados. Ficou tudo bem”.

No futuro, Beatriz e o noivo pretendem levar Dante para as praias do litoral Norte de São Paulo e até para o Rio de Janeiro.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

em-encontro-fechado,-conselho-de-seguranca-da-onu-discute-crise-entre-venezuela-e-guiana

G1 Mundo

Em encontro fechado, Conselho de Segurança da ONU discute crise entre Venezuela e Guiana

O Conselho de Segurança das Nações Unidas discutiu nesta terça-feira (9), a portas fechadas, a disputa territorial sobre a região do Essequibo, território rico em petróleo e recursos que pertence à Guiana, mas que a Venezuela reivindica. A reunião no Conselho de Segurança da ONU teve a participação de um representante da Venezuela e da embaixadora da Guiana, Carolyn Rodrigues-Birkett. Ela disse ao término do encontro de mais de duas […]

today9 de abril de 2024 9

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%