Gospel Prime

Cármen manda excluir posts que liga esquerda à aborto e drogas

today18 de outubro de 2022 19

Fundo
share close

Algumas publicações nas redes sociais que vão contra a esquerda, citando defesa da vida, liberdade e valores cristãos, estão sendo removidos a pedido a ministra do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Cármen Lúcia.

Trata-se de postagens contendo imagens de um outdoor em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

Além de remover esse conteúdo, a ministra solicitou que as redes sociais como Instagram, Facebook, Twitter entre outros, identifiquem os responsáveis pelas publicações.

Segundo Cármen Lúcia, o outdoor é um “quadro distorcido de valores e desvalores” e “como se cada qual representasse uma escolha eleitoral”.

A ministra afirma que esse tipo de publicação ofende partidos e pessoas “reconhecidos, socialmente, ainda que de forma indireta”, com a esquerda.



“O perigo de dano ou o risco ao resultado útil do processo pode ser comprovado pela possibilidade de acesso à postagem por um número cada vez maior de pessoas, o que demonstra os efeitos deletérios no processo eleitoral da desinformação,” escreveu.

“Por isso os sistemas jurídicos democráticos legitimam a possibilidade de se impor restrição ao exercício dos direitos fundamentais, em casos nos quais se demonstre o comprometimento do direito do outro,” acrescentou.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Gospel Prime.

Por: Redacao

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

justica-ordena-penhora-de-dizimos-da-igreja-de-valdemiro-e-uso-de-policia

Gospel Prime

Justiça ordena penhora de dízimos da igreja de Valdemiro e uso de polícia

A Justiça de São Paulo determinou a penhora dos dízimos da Igreja mundial do Poder de Deus, fundada pelo apóstolo Valdemiro Santiago, além do uso de polícia para se fazer cumprir a decisão tomada pelo juiz Henrique Dada Paiva. O processo tem relação com a dívida de R$ 109 mil em aluguéis da denominação, incluindo juros, correção monetária e multas por atraso. De acordo com o UOL, o juiz também […]

today18 de outubro de 2022 14

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%