Gospel Prime

Casa Branca avalia como responder Israel em caso de invasão de Rafah

today16 de março de 2024 1

Fundo
share close

A Casa Branca avalia como responder à medida que Israel considera avançar com uma possível invasão militar em Rafah, na Faixa de Gaza, desafiando Joe Biden que se posicionou contra a ação militar. Antigos e atuais funcionários dos EUA revelam discussões internas sobre como responder a essa situação.

O presidente Biden tem repetidamente advertido o governo de Israel contra uma invasão militar em Rafah, afirmando que é preciso proteger os cívis. No entanto, há crescente preocupação na administração e entre congressistas democratas de que esses apelos estejam sendo ignorados.

“Repetidamente, o presidente Biden apela ao governo Netanyahu para que tome certas medidas e, na maior parte, repetidamente, Netanyahu ignora o presidente dos Estados Unidos. E então acho que isso faz com que os Estados Unidos pareçam ineficazes”, disse o senador Chris Van Hollen em entrevista.

Van Hollen, membro da Comissão de Relações Exteriores do Senado, acrescentou: “O presidente tem emitido palavras e advertências cada vez mais fortes, mas acredito que para fazer cumprir eficazmente essas advertências a administração tem de usar estas outras ferramentas à sua disposição”.

As discussões na Casa Branca ocorrem num momento em que Israel se aproxima de uma possível incursão militar em Rafah, cidade localizada na região sul da Faixa de Gaza.



Funcionários da administração dos EUA revelaram que não viram um plano detalhado para a operação militar em Rafah, nem receberam propostas para a evacuação de civis palestinos. Eles expressaram ceticismo sobre a existência de um plano completo por parte de Israel, sugerindo que a ameaça de uma invasão pode ser uma estratégia para influenciar o Hamas durante as negociações de um cessar-fogo.

Altos funcionários do governo também aconselharam Israel a evitar uma grande operação militar em Rafah e sugeriram missões menores e direcionadas de contraterrorismo.

Essa tensão marca uma mudança notável no relacionamento entre os EUA e Israel desde o ataque terrorista do Hamas em outubro passado. Anteriormente, Biden e o primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu haviam compartilhado uma relação de proximidade.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Gospel Prime.

Por: Redacao

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

refugiado-quer-que-o-mundo-“ouca-como-encontrei-jesus”

Gospel Prime

Refugiado quer que o mundo “ouça como encontrei Jesus”

Manith Sanchez, uma refugiada cambojana que escapou da brutal ditadura de Pol Pot no final dos anos 1970, nunca tinha ouvido falar de Jesus. No entanto, ao recordar sua fuga, ela viu claramente a mão de Deus agindo em sua vida. De acordo com Baptist Press, Sanchez cresceu em uma fazenda no sopé das montanhas do Camboja, onde desfrutava de uma infância tranquila e feliz. Embora sua família seguisse estritamente […]

today16 de março de 2024 1

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%