Gospel Prime

Refugiado quer que o mundo “ouça como encontrei Jesus”

today16 de março de 2024 1

Fundo
share close

Manith Sanchez, uma refugiada cambojana que escapou da brutal ditadura de Pol Pot no final dos anos 1970, nunca tinha ouvido falar de Jesus. No entanto, ao recordar sua fuga, ela viu claramente a mão de Deus agindo em sua vida.

De acordo com Baptist Press, Sanchez cresceu em uma fazenda no sopé das montanhas do Camboja, onde desfrutava de uma infância tranquila e feliz. Embora sua família seguisse estritamente as tradições budistas, Manith sempre teve uma resistência à religião local.

A situação mudou drasticamente quando o Estado comunista assumiu o governo em 1975, colocando a vida de Manith em perigo devido à sua educação e ao casamento com um funcionário do governo. Em meio ao caos e ao terror, ela fugiu com sua família, enfrentando anos de jornada até chegar à segurança na Tailândia.

Foi no campo de refugiados de Khao I Dang, na Tailândia, que Manith ouviu pela primeira vez sobre Jesus, através dos missionários americanos Paul e Wendy. Inspirada por suas palavras e pelo testemunho de fé, Manith começou a frequentar os encontros cristãos sob uma árvore e logo expressou o desejo de conhecer Jesus pessoalmente.

Paul e Wendy discipularam Manith e outros refugiados, compartilhando a mensagem do Evangelho mesmo em meio a barreiras linguísticas e culturais. Ela foi batizada no rio que cortava o campo de refugiados, testemunhando o poder transformador da fé em Cristo.



Embora os missionários tenham falecido, o legado de seu ministério vive nos corações daqueles que alcançaram, como Manith. Seu desejo é compartilhar o amor de Jesus com o mundo, pois ela mesma experimentou o encontro pessoal com Ele.

Manith Sanchez é um testemunho vivo do poder redentor de Deus e da dedicação dos missionários em levar a mensagem do Evangelho a todos os povos, línguas e nações.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Gospel Prime.

Por: Redacao

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

turista-de-sp-e-assassinado-com-um-tiro-em-casa-de-veraneio-invadida-por-criminosos;-video

G1 Santos

Turista de SP é assassinado com um tiro em casa de veraneio invadida por criminosos; VÍDEO

Dupla de bandidos pulou o muro do imóvel em Itanhaém e, depois de ameaçar a vítima, disparou contra ela. Os criminosos levaram um celular. Homem é assassinado com um tiro dentro de casa após invasão de criminosos Um homem, de 52 anos, foi morto com um tiro no peito dentro de uma casa em Itanhaém, no litoral de São Paulo. A vítima e um amigo estavam na churrasqueira quando dois […]

today16 de março de 2024 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%