G1 Santos

Charles do Bronx, ex-campeão do UFC, reencontra ave exótica dele que fugiu e foi resgatada no litoral de SP: ‘Chapo voltou pra casa’

today18 de maio de 2024 12

Fundo
share close

O “Chapo”, uma das aves de estimação do ex-campeão dos pesos-leve do UFC, Charles do Bronx, foi resgatado pelo Grupamento de Defesa Ambiental (GDA) após fugir da residência do lutador em Guarujá, no litoral de São Paulo. O animal ficou abrigado no Centro de Triagem de Animais Silvestre (Cetas) do Instituto Ambiecco e devolvido ao atleta, que agradeceu nas redes sociais (veja acima).

‘Chapo’ é uma Cacatua-de-crista-amarela (Cacatua galerita), espécie originária da Austrália e comercializada legalmente no estado em criadouro e comércios especializados em animais silvestres. Ele fugiu de um viveiro na residência do atleta no dia 11 de maio.

O animal foi encontrado em cima de um andaime de um terminal portuário, ainda no sábado (11). Após o resgate, os agentes do GDA comunicaram a ação ao Centro Técnico Regional de Santos (CTR-3), da Secretaria de Meio Ambiente, Infraestrutura e Logística (Semil), para encaminhamento da ave.



Animal passou por avaliação e foi devolvido ao tutor — Foto: Divulgação/Instituto Ambiecco

A partir das informações, o Centro Técnico acionou o Instituto Ambiecco para o recebimento do animal, que possuía uma anilha para identificação, no Cetas de Peruíbe. Já na manhã de quarta-feira (15), a ave foi encaminhada ao local.

No instituto, o animal passou por uma avaliação clínica, apontando que estava saudável e, possivelmente, teria fugido de uma residência. Por conta disso, o instituto acionou a Coordenadoria de Fauna Silvestre (CFS), também da Semil, que atua na gestão e regulação da fauna silvestre no estado.

‘Chapo’, Cacatua de estimação de Charles do Bronx, foi encontrada em terminal portuário no litoral de SP — Foto: Redes sociais e Divulgação/Instituto Ambiecco

A partir da numeração da anilha, a documentação do animal foi localizada e o tutor identificado. A partir disso, o Instituto entrou em contato com Charles e combinou a devolução de ‘Chapo’, que ocorreu nesta sexta-feira (17).

Na mesma data, o atleta publicou um vídeo na sua rede social agradecendo os responsáveis que atuaram no resgate do animal.

“Quero agradecer a todo mundo pela força que deu. “Tô” feliz demais. O ‘Chapo’ voltou pra casa”, disse.

Animal foi resgatado em terminal portuário em Guarujá — Foto: Divulgação/Prefeitura de Guarujá

O Instituto Ambiecco é uma organização da sociedade civil, sem fins lucrativos, fundada em 2020, com sede em Peruíbe (SP). A instituição tem o objetivo de desenvolver ações que visam a conservação do bioma Mata Atlântica e da biodiversidade brasileira.

VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

procurado-por-matar-homem-em-‘tribunal-do-crime’-e-preso-com-carro-furtado-de-concessionaria-no-litoral-de-sp

G1 Santos

Procurado por matar homem em ‘tribunal do crime’ é preso com carro furtado de concessionária no litoral de SP

Um procurado da Justiça, de 32 anos, foi preso em Mongaguá, no litoral de São Paulo, após ser flagrado com um carro furtado de uma concessionária em Nova Odessa (SP). Segundo apurado pelo g1, Rafael Dias De Oliveira, conhecido como RD, é acusado de integrar uma facção criminosa e matar um homem no ‘Tribunal do Crime’. Rafael foi localizado, na noite de sexta-feira (17), na Avenida Monteiro Lobato, no bairro […]

today18 de maio de 2024 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%