G1 Santos

Cobra-de-duas-cabeças é encontrada em porta de loja no litoral de SP: ‘achei que era uma corda’; VÍDEO

today19 de outubro de 2022 36

Fundo
share close

Animal foi encontrado em Bertioga, no litoral de São Paulo.



Cobra-de-duas-cabeças é encontrada em porta de loja no litoral de SP

Cobra-de-duas-cabeças é encontrada em porta de loja no litoral de SP

Uma cobra-de-duas-cabeças (Amphisbaena microcephalum) foi encontrada presa na porta de uma loja de móveis em Bertioga, no litoral de São Paulo. Ao g1, o empresário João Jordão contou nesta quarta-feira (19) que tomou um susto ao ver o animal e que, de início, pensou que era uma corda amarrada no local (veja o vídeo acima).

O animal foi visto no estabelecimento localizado na Avenida Dezenove de Maio, no bairro Jardim Albatroz. “Quando abri a porta de aço, ela estava pendurada. Achei até que era uma corda, mas depois olhei direito e vi que estava se mexendo”, disse João Jordão.

O empresário acrescentou que, após uma breve pesquisa, entendeu que se tratava de uma cobra-de-duas-cabeças e que não oferecia grande perigo. “Tiramos da porta e a colocamos dentro de uma caixinha de papelão. Depois, levei até o Departamento de Operações Ambientais da cidade”.

Nas imagens, obtidas pelo g1, é possível ver o momento em que o empresário tomou um “susto” ao ver o animal pela primeira vez. Na sequência, um funcionário do estabelecimento retirou a cobra-de-duas-cabeças e a colocou na caixa.

Nunca vi um animal como este por aqui. Não sei nem como ele entrou, pois as portas ficam fechadas o tempo inteiro. Talvez tenha vindo de um ralo, por meio de um duto de esgoto, ou até saiu de algum vaso sanitário.

— João Jordão, empresário que encontrou a cobra-de-duas-cabeças

Cobra-de-duas-cabeças é encontrada em porta de loja no litoral de SP — Foto: Reprodução

Segundo o biólogo Daniel Bortone, trata-se de uma “anfisbena”, também conhecida como cobra-de-duas-cabeças. A espécie, segundo ele, vive enterrada no solo.

Ainda de acordo com o profissional, a espécie encontrada no estabelecimento é diferente da cobra-cega. “As anfisbenas são répteis. Não são serpentes, mas são ‘parentes’. Já as cobras-cegas são anfíbios”.

Cobra-de-duas-cabeças é encontrada em loja em Bertioga, no litoral de São Paulo — Foto: Reprodução

Bortone afirmou ainda que a espécie não é peçonhenta, ou seja, venenosa, mas pode morder caso seja manuseada. “Apesar do nome, ela tem uma cabeça só, embora seja bem parecida com a cauda”, explica.

Para o biólogo, é importante ressaltar que não é necessário matar o animal ao encontrá-lo. “[Elas] são importantes no equilíbrio da natureza. Comem insetos, larvas e vermes. Portanto, controlam a população desses animais”.

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias

Newsletter G1 Created with Sketch.

O que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.

Para se inscrever, entre ou crie uma Conta Globo gratuita.

Obrigado!

Você acaba de se inscrever na newsletter Resumo do dia.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

protetora-de-animais-salva-gatinhos-que-seriam-jogados-em-cachoeira-no-litoral-de-sp:-‘deus-que-me-mandou-ali’;-video

G1 Santos

Protetora de animais salva gatinhos que seriam jogados em cachoeira no litoral de SP: ‘Deus que me mandou ali’; VÍDEO

Caso aconteceu em Praia Grande (SP). Protetora de animais salva gatos que seriam jogados em cachoeira no litoral de SP A protetora de animais Cristina Valéria de Jesus Ramos, de 52 anos, salvou quatro filhotes de gatos que seriam jogados na Cachoeira Guariúma, conhecida como Cachoeira do Melvi, em Praia Grande, no litoral de São Paulo. Ao g1, Cristina contou que, na segunda-feira (17), estava indo em uma tabacaria no […]

today19 de outubro de 2022 12

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%