G1 Mundo

Colômbia investigará militares, inclusive americanos, por abusos de menores indígenas

today14 de janeiro de 2023 9

Fundo
share close

O presidente da Colômbia, Gustavo Petro, pediu nesta sexta-feira (13) uma investigação sobre supostos estupros de menores indígenas por militares locais e americanos na região da Amazônia colombiana, após uma história revelada por uma investigação jornalística.

“Pedi que uma comissão do Instituto Colombiano de Bem-Estar Familiar (ICBF) e da presidência se desloque imediatamente a Guaviare e trate das denúncias de estupros de menores. Esse horror dura anos, estimulado pela imunidade. Foram iniciadas todas as investigações, inclusive pela omissão de funcionários”, afirmou o presidente.

Uma reportagem da Univisión Noticias mostrou em dezembro que um militar dos Estados Unidos, que vivia nas instalações de um batalhão do Exército colombiano em 2019, supostamente abusou sexualmente e engravidou uma indígena nukak de 10 anos em San José del Guaviare, cidade da Amazônia colombiana.



Respaldado por fontes da comunidade e de entidades do Estado, o veículo americano denunciou “um fenômeno crescente de estupros de indígenas menores na região do Guaviare, perpetrados por homens em sua maioria brancos mais velhos e, alguns deles, militares”.

O Ministério Público investiga denúncias contra soldados colombianos e “norte-americanos” por abusos contra crianças nukak, reconheceu a promotora Isabel León à Univisión. A embaixada dos Estados Unidos em Bogotá declarou em nota que suas tropas não estão sendo investigadas por esse casos.

De tradição nômade, os nukak foram deslocados de seus territórios em meio ao conflito armado colombiano desde o fim do século XX. Hoje, vivem em assentamentos precários em zonas rurais e vagam pelas ruas da cidade pedindo esmolas.

Muitas crianças e adolescentes da etnia acabam nas mãos de redes que oferecem comida em troca de favores sexuais, e alguns se viciam em drogas, segundo ONGs.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

ucrania:-conquistas-de-soledar-e-bakhmut-poderiam-acabar-com-artilharia-russa

G1 Mundo

Ucrânia: conquistas de Soledar e Bakhmut poderiam acabar com artilharia russa

O exército ucraniano afirma, nesta sexta-feira (13), conter uma intensa ofensiva russa em Soledar, pequena cidade no leste do país, sob pressão crescente das tropas de Moscou. Uma vitória na região poderia custar, para a Rússia, toda sua artilharia e prejudicar as possibilidades de uma ofensiva de inverno. O Conselho de Segurança da ONU deve se reunir na noite desta sexta-feira para discutir a situação na Ucrânia, quase 11 meses após o início da […]

today14 de janeiro de 2023 10

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%