Prefeitura de Guarujá

Começam obras da ‘Praça da Cidadania’, na Vila Edna

today10 de janeiro de 2023 22

Fundo
share close

Equipamento oferecerá uma gama de serviços voltados  às pessoas em situação de vulnerabilidade social, incluindo  áreas esportivas e capacitação profissional

Em comemoração à Semana do Padroeiro – Dia de Santo Amaro, celebrado em 15 de janeiro, começarão, nesta quarta-feira (11), as obras para implantação de uma Praça da Cidadania na Avenida Raphael Vitiello, na Vila Edna. A conquista é resultado de tratativas entre a Prefeitura de Guarujá e o Fundo Social do Estado. O local prevê a implantação de áreas voltadas para esportes, lazer e convivência comunitária.

Às 10 horas, o prefeito estará reunido com representantes da empresa responsável pelas obras, assim como lideranças da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) e do Fundo Social de Solidariedade do Estado. O Governo Estadual entregará a Praça da Cidadania totalmente construída e equipada.

As praças são equipamentos fundamentais para promover cidadania, inclusão social e qualificação profissional nos territórios vulneráveis, estimulando a geração de emprego e renda, o empreendedorismo e a autonomia financeira da população”, explica o prefeito.

Cada Praça poderá contar, dependendo do projeto, com academia ao ar livre, pista de caminhada e corrida, quadra poliesportiva, quadra de futebol society, quadra de basquete de rua (3×3), área de jogos, parque infantil, arena ao ar livre, jardim de chuva e horta comunitária.



O projeto é voltado para áreas com alta vulnerabilidade social e oferece espaços de lazer, atividades esportivas, qualificação profissional e geração de renda para a população.

Qualificação profissional

Além disso, no local deverá ser implantada uma Escola de Qualificação Profissional, que oferece cursos nas áreas de Gastronomia, Beleza e Bem-Estar; Moda e Arte; Informática e Tecnologia; Construção Civil e Sustentabilidade; e Administração e Empreendedorismo.

Para a implantação da Praça da Cidadania, o Município deve estar enquadrado nas diretrizes do programa, disponibilizar um terreno adequado e providenciar a aprovação legal dos trâmites para instalação do projeto.

É um espaço multifuncional e capaz de promover uma integração muito representativa entre o poder público e as comunidades em situação de vulnerabilidade social. Guarujá só tem a ganhar com a concretização do projeto”, avalia a titular da Secretaria Municipal de Planejamento (Seplan).

Após a inauguração da Praça, a Prefeitura será incumbida da gestão, manutenção e zeladoria dos espaços abertos. Já o Fundo Social do Estado de São Paulo ficará responsável pelo edifício das escolas de qualificação profissional.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Prefeitura de Guarujá.

Por: Evelyn

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

mulher-em-surto-e-impedida-jogar-carro-no-mar-e-de-matar-os-filhos-afogados-no-litoral-de-sp

G1 Santos

Mulher em surto é impedida jogar carro no mar e de matar os filhos afogados no litoral de SP

Uma mulher, de 41 anos, foi presa por tentar matar dois filhos, um menino de 7 e uma menina de 5, e depois atentar contra a própria vida. De acordo com a Polícia Militar, ela parecia estar em meio a um surto psicótico [pensamentos desorganizados e agitada]. O g1 apurou que a suspeita tentou afogar as crianças em duas ocasiões no mar de Cananéia, no litoral de São Paulo. Um […]

today10 de janeiro de 2023 41

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%