G1 Mundo

Como acidente de trem nos EUA reacende fantasma de Chernobyl

today18 de fevereiro de 2023 13

Fundo
share close

Preocupação com consequências ambientais e de saúde têm aumentado.


O incêndio gerou uma fumaça tóxica que cobriu a pacata cidade de East Palestine e levou à evacuação de quase 2 mil pessoas.



Diante do risco de explosão de cinco dos 50 vagões descarrilados, as autoridades iniciaram a liberação controlada de diversos produtos tóxicos no ambiente.

Enquanto as autoridades afirmam que a mitigação do problema e o retorno ao normal são algo para o longo prazo, a preocupação com as consequências ambientais e de saúde têm aumentado.

O ex-chefe do Departamento de Combate a Incêndios de Ohio, Silverio Caggiano, comparou a precipitação tóxica resultante do acidente com um “inverno nuclear”.

Por isso tudo, muita gente nas redes sociais está tratando o acidente como uma mini-Chernobyl. Mas será que essa comparação faz sentido?

Foto aérea mostra um trem descarrilhado em Columbus, Ohio. Parte do trem de carga que levava etanol descarrilou e pegou fogo nesta quarta-feira (11). — Foto: Doral Chenoweth III/The Columbus Dispatch/AP

Neste vídeo, nossa correspondente nos EUA, Mariana Sanches, responde a essa e outras perguntas sobre a tragédia com a ajuda de Justin Colacino, professor da Escola de Saúde Pública da Universidade de Michigan.

VÍDEOS: mais assistidos do g1

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

eua-cancelam-buscas-por-objetos-voadores-nao-identificados-abatidos

G1 Mundo

EUA cancelam buscas por objetos voadores não identificados abatidos

"O Comando Norte dos EUA recomendou que as operações de busca fossem concluídas hoje perto de Deadhorse, no Alasca, e no Lago Huron, já que as atividades de busca não descobriram detritos de objetos aéreos abatidos em 10 e 12 de fevereiro de 2023", afirma o comunicado. Os objetos não identificados viraram fonte de intriga desde que um míssil americano derrubou um balão espião chinês em 4 de fevereiro. O […]

today18 de fevereiro de 2023 10

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%