G1 Mundo

Coreia do Norte dispara mísseis balísticos no Mar do Japão

today23 de dezembro de 2022 9

Fundo
share close

O Estado-Maior Conjunto em Seul informou em comunicado que o regime norte-coreano disparou os projéteis da área de Sunan, onde fica o Aeroporto Internacional de Pyongyang, por volta das 16h32 (horário local) desta sexta-feira.

As autoridades japonesas informaram inicialmente que se tratava de um único míssil “provavelmente balístico”, enquanto a Guarda Costeira do país indicou que “o projétil ou os projéteis” caíram em águas fora da Zona Econômica Exclusiva Japonesa (ZEE). O Executivo japonês convocou uma reunião de emergência para discutir os detalhes do lançamento.

O teste desta sexta-feira ocorre também poucos dias depois que os exercícios militares conjuntos de EUA e Coreia do Sul incluíram o uso de bombardeiros com capacidade nuclear voando perto da Península Coreana.



Com isso, já são pelo menos 46 lançamentos que o regime de Kim Jong-un realizou este ano, segundo estimativas da organização não governamental americana Nuclear Threat Initiative (NTI).

Esse volume recorde de testes, somado às manobras de Seul e Washington e seus crescentes investimentos em defesa, acelerou a corrida armamentista na região, que vive momentos de tensão sem precedentes. Por conta disso, o Japão também anunciou uma alta significativa em seus gastos militares.

A Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) alertou que Pyongyang pode estar se preparando para um teste nuclear.

Suposta venda de armas a russos

Horas antes do lançamento de sexta-feira, a Casa Branca disse que a Coreia do Norte entregou armas ao grupo militar privado russo Wagner.

A mídia japonesa também informou que a Coreia do Norte havia enviado projéteis de artilharia e outras munições para a Rússia no mês passado.

As alegações provocaram mais tensões, com a Coreia do Norte negando as acusações e chamando-as de “infundadas”.

Sem mencionar o grupo Wagner, Pyongyang criticou Washington por enviar armas para a Ucrânia.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

incendio-em-vina-del-mar-deixa-dois-mortos-e-atinge-400-casas

G1 Mundo

Incêndio em Viña del Mar deixa dois mortos e atinge 400 casas

Um incêndio na quinta-feira (22) em Viña del Mar, 120 km ao oeste de Santiago, deixou pelo menos dois mortos e atingiu 400 casas, o que obrigou o governo do Chile a decretar estado de emergência. As chamas, propagadas por fortes rajadas de vento, atingiram áreas residenciais do balneário da costa central chilena, próximo do porto turístico de Valparaíso. O comandante do Corpo de Bombeiros de Viña del Mar, Patricio […]

today23 de dezembro de 2022 8

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%