G1 Mundo

Coreia do Norte diz ter testado novo míssil com combustível sólido

today14 de abril de 2023 5

Fundo
share close

A Coreia do Norte realizou o primeiro teste com um novo tipo de míssil balístico intercontinental, o Hwasong-18, que utiliza combustível sólido, afirmaram as autoridades do país na sexta-feira (14), horário local.

O projétil foi disparado na manhã de quinta-feira (13) em direção à costa leste da península coreana e caiu no mar. O presidente norte-coreano, Kim Jong-un, supervisionou o teste e ficou satisfeito com o resultado, de acordo com a KCNA, agência de notícias do país.

“O teste provou a eficiência militar do novo míssil balístico intercontinental como uma capacidade de ataque estratégico”, disse a KCNA.



Mísseis que utilizam combustível sólido podem ser significamente mais rápidos de preparar para disparos do que os que utilizam combustível líquido. Assim, segundo as autoridades, o aparato melhorará a dissuasão estratégica e a prontidão de contra-ataque nuclear da Coreia do Norte.

“Através do lançamento de teste, todas as essências do novo sistema de armas estratégicas foram atingidas com precisão nos requisitos de design, e pudemos ter confiança e garantia de que o novo míssil balístico intercontinental seria um poderoso meio estratégico ofensivo com maior eficácia militar”, relatou o governo.

As autoridades do Japão chegaram a emitir um alerta pedindo para que os moradores de Hokkaido, principal ilha do país, buscassem abrigo, pois o míssil poderia cair na região. As aeronaves que voavam no espaço aéreo japonês também foram avisadas para procederem com cautela.

O lançamento ocorreu dois dias depois que a mídia estatal norte-coreana KCNA informou que o líder Kim Jong-un pediu o fortalecimento da dissuasão de guerra do país de uma maneira “mais prática e ofensiva” para conter o que chamou de movimentos de agressão dos Estados Unidos.

A Coreia do Norte criticou a recente série de exercícios militares conjuntos dos EUA e com a Coreia do Sul.

Mísseis “não operacionais”

Washington duvida das capacidades de produção militar do regime norte-coreano. De acordo com o texto atribuído ao Pentágono, “é improvável que a Coreia do Norte seja capaz de equipar todos os seus lançadores com mísseis operacionais (…) devido a restrições de recursos”, referindo-se às sanções internacionais e ao isolamento do país desde o início da pandemia.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

quem-e-homem-preso-pelo-fbi-acusado-de-vazar-documentos-secretos

G1 Mundo

Quem é homem preso pelo FBI acusado de vazar documentos secretos

Jack Teixeira, 21 anos, seria o líder de um grupo de jogos online onde os arquivos vazaram. Os documentos revelaram informações sensíveis sobre a guerra na Ucrânia e sobre outros países. Imagens aéreas capturaram policiais fazendo uma prisão na casa da família de Teixeira nesta quinta. A prisão aconteceu em Dighton, uma cidade de 8.000 habitantes a cerca de uma hora de Boston. Vídeos mostram um jovem, que acredita-se ser […]

today14 de abril de 2023 10

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%