G1 Santos

Dupla revela ter lembrado da tragédia da Boate Kiss após estrutura montada para o show do Capital Inicial desabar

today4 de fevereiro de 2023 8

Fundo
share close

A estudante de Guarujá (SP) Marcela dos Santos, de 32 anos, e o professor de educação física de Mogi das Cruzes (SP) José Carlos Guimarães, de 35, afirmaram que tiveram um ‘livramento’.

Marcela e José Carlos relembraram da tragédia da Boate Kiss — Foto: Arquivo pessoal



“Estou bem, minha prima [que estava comigo] está bem. Ninguém se feriu, mas foi um susto muito grande. Quando eu vi a plataforma vindo para frente [para tombar], a única coisa que eu lembrava era da boate Kiss. Foi a primeira coisa que veio na minha mente”, contou Marcela.

Segundo Marcela, ela começou a sentir um vento forte no momento em que o Capital Inicial estava atendendo os fãs no camarim e os instrumentos da banda estavam sendo colocados no palco. Ela afirmou que, rapidamente, o palco começou a balançar, duas caixas de som caíram e o telão parecia que partiria ao meio.

Guimarães disse acreditar que as séries lançadas recentemente sobre a tragédia da boate Kiss, em 2013, em Santa Maria (RS), fez o público, que esperava o Capital Inicial, sair do local.

Ele acrescentou, ainda, que, antes do incidente avisou para os colegas sobre o risco da estrutura cair. “Tinha muito cabo de aço frouxo, com barriga, bem grosseiramente falando. As tiras de sustentação da mesma forma, bem frouxas”, disse.

O professor de educação física afirmou que sentiu, por parte da organização do evento, omissão do perigo. Para ele, teve orientação apenas para se afastarem do palco e não para sair do local, e acrescentou, que, por sorte, as pessoas não entraram em pânico.

Marcela (à esq) aguardava o show do Capital Inicial com a prima — Foto: Arquivo pessoal

“O prejuízo que nós tivemos foi mínimo, só mesmo com o cartão de consumação, que eles nos obrigaram adquirir. Estamos só no aguardo de uma posição da organização para saber o que vai ser feito, se os valores vão ser estornados ou não. Ficamos só nessa expectativa, mas, de toda forma, o prejuízo é mínimo comparado com o que poderia ter acontecido“, explicou Guimarães.

Marcela, porém, revelou ainda estar assustada com o incidente. Ela disse que o mestre de cerimônia avisou que estava perigoso e pediu para o público se afastar do palco. Na sequência, segundo a estudante, organização avisou sobre o alerta da Defesa Civil e orientou que todos saíssem com calma.

Guimarães (ao centro) acredita que organização poderia ter evacuado o espaço antes — Foto: Arquivo pessoal

“Eu até falei para minha prima ‘olha foi uma coisa muito divina’. Por que esperou todo o público e os funcionários saírem, [a ventania] esperou dois minutos e a tenda caiu. Foi muito rápido. Eu só posso dizer que foi um livramento […]. A gente nasceu de novo”, contou Marcela.

O g1 entrou em contato com a Prefeitura de Bertioga e com o Grupo HJR (organizador do evento), mas não obteve retorno até a última atualização desta reportagem.

Uma estrutura montada para shows na praia de Bertioga, no litoral de São Paulo, desabou, na noite da última sexta-feira (3), devido aos fortes ventos que atingiram a região. O local receberia a banda Capital Inicial, que precisou adiar a apresentação após o incidente. Ninguém ficou ferido.

Nas redes sociais, em um comunicado oficial, a prefeitura, o Grupo HJR e a produção do Capital Inicial reforçaram que o público não foi atingido. As equipes de segurança e os Bombeiros realizaram, imediatamente, a evacuação do local.

A nova data será divulgada em breve. Não há informações sobre a continuidade do Moto Fest Bertioga, que começou dia 3 de fevereiro e terminaria no domingo (5).

VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

mulher-de-velejador-que-desapareceu-no-litoral-de-sp-critica-marinha-por-suspender-buscas:-‘nao-tem-nada-boiando’

G1 Santos

Mulher de velejador que desapareceu no litoral de SP critica Marinha por suspender buscas: ‘não tem nada boiando’

"É um desespero saber que quem estava me apoiando simplesmente falou que terminaram as possibilidades [de encontrar Edison]. Não terminaram, pode ter terminado os recursos da Marinha, [pois] eu sei que eles precisam de gente competente, material, transporte, combustível, verba para fazer isso tudo, eu entendo, mas fico em uma situação [complicada], quero que continue, não pode parar", disse Maria de Fátima. Segundo a mulher, a dor dela só aumenta […]

today4 de fevereiro de 2023 20

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%