G1 Mundo

Eleições nos EUA: Trump vence primárias do Partido Republicano em New Hampshire; Nikki Haley segue na corrida

today23 de janeiro de 2024 8

Fundo
share close

Os votos ainda estão sendo apurados. As urnas fecharam às 20h locais (22h em Brasília). Até a última atualização desta reportagem, os resultados estavam da seguinte forma:

  • Donald Trump: 53,6%
  • Nikki Haley: 45,3%
  • Outros: 1,1%

Em um discurso para seus apoiadores, Haley parabenizou Trump e disse que vai continuar na corrida.



“Há conversas de que essa corrida terminou. Eu tenho notícias: New Hampshire é o primeiro (estado) na nação, não o último”, afirmou.

“Essa corrida está longe do fim, há dezenas de estados ainda. O próximo é o meu, da Carolina do Sul.”

As primárias são o sistema pelo qual os eleitores dos partidos dos EUA escolhem quem será o seu candidato para a eleição para presidente, que acontece em novembro.

No começo do dia, Haley já havia dito que que não iria desistir da corrida se perdesse a votação de New Hampshire para Trump.

Os eleitores de New Hampshire são considerados independentes e moderados, e por isso os analistas da política dos EUA diziam que essa etapa das primárias é uma das melhores chances de Haley.

De acordo com a AP, Trump venceu impulsionado pela votação nas pequenas cidades de New Hampshire, onde mora a maioria dos eleitores que participaram da primárias.

A maioria dos eleitores republicanos no estado não tem diploma universitário. Entre esses, cerca de dois terços votaram em Trump. Ele conquistou cerca de 7 em cada 10 eleitores republicanos que se identificam como conservadores.

Trump foi apoiado por eleitores do Partido Republicano que dizem que, para eles, os problemas mais importantes são a imigração ou a economia.

Montagem mostra Donald Trump e Nikki Haley — Foto: Reuters

Pressão para Haley desistir

Mesmo antes da votação, os aliados do ex-presidente já estavam pressionando Haley a desistir. O próprio Trump disse que Haley deve fazer o que quiser, mas que os eleitores vão escolher ele.

Essa é a primeira vez que um pré-candidato do Partido Republicano vence as duas etapas iniciais da corrida pela nomeação do Partido Republicano — em Iowa e New Hampshire. Esses dois estados são os primeiros a votar desde 1976.

Em Iowa, Trump ficou em primeiro, Ron DeSantis, que já largou a corrida, em segundo, e Haley em terceiro.

Assessores de Haley dizem que ela fica

No começo do dia, Betsy Ankney, gerente de campanha de Haley, enviou um comunicado para doadores, apoiadores e jornalistas para dizer que era cedo demais para abandonar as primárias.

“A classe política e a mídia querem coroar Donald Trump. Dizem que a corrida acabou. Querem jogar as mãos para cima, depois de apenas 110 mil pessoas terem votado em um caucus em Iowa, e dizer que (o vencedor) é o Trump. Não é assim que funciona”, afirmou ela.

VÍDEOS: mais assistidos do g1




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

eua-atacam-bases-de-milicia-ligada-ao-ira-em-territorio-iraquiano

G1 Mundo

EUA atacam bases de milícia ligada ao Irã em território iraquiano

A milícia é o Kataib Hezbollah. Desde o começo da guerra entre Israel e o grupo terrorista Hamas, que começou em 7 de outubro de 2023, as milícias ligadas ao Irã atacaram tropas americanas em território iraquiano ou sírio cerca de 150 vezes. No sábado, quatro funcionários dos EUA tiveram contusões no cérebro em um dos ataques. O secretário de Defesa dos EUA, Lloyd Austin, afirmou que os americanos usaram […]

today23 de janeiro de 2024 3

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%