G1 Mundo

Entenda por que o Catar é tão rico

today24 de novembro de 2022 24

Fundo
share close

O poder econômico permitiu que governo gastasse mais de US$ 200 bilhões em infraestrutura para poder ser sede da Copa de 2022.

Esse dinheiro todo vem de uma fonte: petróleo. A economia depende fortemente de venda petróleo e gás natural, ainda que haja um plano para diversificar as fontes de receita. A Copa é parte desse plano.

O país tem 13% de todas as reservas de gás natural do mundo (o Catar é o dono da terceira maior reserva desse produto).



Mistura de nacionalidades chama a atenção em Souq Waqif, em Doha, no Catar — Foto: Globo Repórter

Essa riqueza é dividida por 2,5 milhões de pessoas, sendo que os catarianos são uma minoria de menos de 12% do total.

O país tem uma gigante reserva de gás natural, mas a produção de petróleo, apesar de muito grande para um país minúsculo, não é das maiores: são cerca de 600 mil barris por dia.

A quantidade de petróleo já encontrada é de mais de 25 bilhões de barris —isso permite que o Catar mantenha a atual produção por 56 anos. O país foi a primeira nação árabe a integrar a Opep, o cartel dos países produtores de petróleo, em 1960.

País era pobre até a década de 1970

Catar garante bons benefícios a seus cidadãos — mas não aos estrangeiros — Foto: Kai Pfaffenbach/Reuters

Há cerca de 50 anos, quando o país se tornou independente do Reino Unido, o Catar era um dos países mais pobres do Golfo Árabe.

Tradicionalmente, o principal alicerce econômico da região era a extração de pérolas. Na década de 1940 houve a primeira descoberta de petróleo no campo de Dukhan. Foi nesse momento que a economia do país começou a mudar, ainda que, no primeiro momento, lentamente, por causa da Segunda Guerra Mundial.

No embalo da Copa, Catar investe no desenvolvimento da Cidade da Educação

No embalo da Copa, Catar investe no desenvolvimento da Cidade da Educação

Durante a década de 1970, as mudanças no país se aceleraram. A produção de óleo, inicialmente, ficou nas mãos de empresas estrangeiras. Os catarianos começaram a nacionalizar o setor, e, a partir de 1977, a estatal QatarEnergy se tornou a principal do país —as estrangeiras prestam serviços para a empresa do país.

O principal campo de gás natural do Catar é o Campo Norte, que foi descoberto nos anos 1970. Esse é um dos maiores campos de gás natural do mundo.

Diversificação de fontes de riqueza

O plano para diversificar o PIB não é uma novidade: há uma grande empresa aérea, Qatar Airways, e uma grande rede de jornalismo internacional no país, a al Jazeera. Indústria, construção e serviços financeiros também têm crescido consistentemente no país.

Hoje, a produção de óleo e gás é de cerca de metade do PIB.

O emir do Catar, Sheikh Tamim bin Hamad Al-Thani, durante a inauguração do novo Porto Hamad, em Doha, no dia 5 de setembro de 2017 — Foto: Handout/Qatar News Agency/AFP

Ditadura, mas com estado de bem-estar social

O Catar não é uma democracia. As decisões são tomadas pela dinastia Al Thani e seus conselheiros. Os cidadãos não têm influência significativa nos rumos do país.

Eles recebem alguns benefícios derivados das riquezas naturais. O governo distribui incentivos para contar com a lealdade e apoio dos catarianos. Veja abaixo uma lista de alguns dos benefícios que os cidadãos do Catar têm:

  • Não pagam Imposto de Renda;
  • Há muitos empregos com altos salários no setor público;
  • Sistema de saúde gratuito;
  • Educação superior gratuita;
  • Apoio financeiro para quem se casa;
  • Auxílio moradia;
  • Subsídios para a conta de energia;
  • Boas aposentadorias

Mais de 88% dos moradores do Catar são de outros países. Esses imigrantes são, majoritariamente, do sul da Ásia e da África. O país depende dos trabalhadores dessas regiões. Para conseguir construir a infraestrutura da Copa, o Catar recorreu a essa mão-de-obra.

Além dos estádios, o Catar construiu um novo sistema de metrô e novas rodovias. Essas construções foram aceleradas pela Copa.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

copa-do-mundo-2022:-veja-o-que-abre-e-o-que-fecha-na-cidade-de-sao-paulo-em-dias-de-jogos-do-brasil

G1 Mundo

Copa do Mundo 2022: veja o que abre e o que fecha na cidade de São Paulo em dias de jogos do Brasil

A estreia da Seleção Brasileira no torneiro será nesta quinta-feira (24), às 16h (horário de Brasília), contra a Sérvia, e as três partidas da seleção na primeira fase caem em dias de semana. Se for classificado para as outras fases, serão mais um ou dois dias úteis com jogos, dependendo da classificação e do grupo. Durante a primeira fase dos jogos do Brasil na Copa, a prefeitura da capital paulista […]

today24 de novembro de 2022 13

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%