G1 Santos

Esposa grávida de motorista de app acusado de estupro defende suspeito na web, mas ele admite ‘sexo consensual’

today1 de março de 2023 1

Fundo
share close

O crime teria acontecido após a adolescente, de 17 anos, ter saído de uma festa no bairro Vila Mathias, na madrugada do último sábado (25). O pai dela registrou um Boletim de Ocorrência na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Santos acusando o motorista, de 28, de estupro de vulnerável, uma vez que a jovem afirma ter sido abusada sob o efeito de álcool.

No relato publicado nas redes sociais, a esposa do motorista, que não terá a identidade divulgada, rebateu a acusação da família da adolescente e informou que o marido registrou um BO por injúria [calúnia]. Ela ainda alegou que o companheiro “não estava de graça com ninguém”.

“Eu conheço a índole do meu marido e ele estava trabalhando. Não estava em farra. [O companheiro] não estava de graça com ninguém, apenas indo atrás do nosso sustento”, desabafou a mulher em publicação nas redes sociais.



O g1 teve acesso ao BO registrado pelo motorista na Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Santos. No documento, porém, o homem informou à Polícia Civil que, no percurso, ele e a passageira começaram a conversar e “acabaram se envolvendo”. Além disso, há o apontamento de que houve relação sexual entre eles dentro do carro.

Esposa de motorista de aplicativo rebate acusação da passageira — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Segundo o registro, apesar da situação, não houve desvio no trajeto até o destino escolhido pela passageira. O homem afirmou à corporação que a jovem demonstrava “consciência e tranquilidade”, embora não pudesse afirmar se ela estava alcoolizada apesar do odor etílico [cheiro de álcool].

Por fim, o motorista registrou no documento que, inclusive, conversou com a passageira por meio das redes sociais na manhã do dia do ocorrido, e que ela teria perguntado se havia esquecido um brinco com ele.

Segundo apurado pelo g1, a jovem realizou exame no Instituto Médico Legal (IML) e comprovou a ‘conjunção carnal recente’.

O pai dela relatou, na DDM de Santos, que ele estava indo trabalhar, por volta das 7h, quando a filha ligou para ele e contou o que havia acontecido.

A jovem relatou ao pai que, durante o percurso de volta para a casa, o motorista começou a mostrar para ela conteúdo sexual similar ao publicado na plataforma ‘onlyfans’. Ele teria afirmado que tem um perfil neste site e teria sugerido que eles produzissem um conteúdo parecido.

Adolescente afirma ter sido estuprada por motorista de app que teria sugerido produzir conteúdo sexual similar a ‘onlyfans’ em Santos — Foto: Reprodução

Assim que a menina foi deixada em casa, já no início da manhã, ela teria ido até uma farmácia comprar uma pílula do dia seguinte e ligado para o pai, que imediatamente a acompanhou à DDM.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP), o caso citado é investigado como estupro de vulnerável e ameaça na DDM de Santos. A autoridade policial aguarda o resultado de exames periciais para análises e esclarecimento dos fatos.

A SSP-SP não informou a versão do investigado e disse que maiores detalhes serão preservados por envolver crime sexual e com menor de idade. O g1 não conseguiu localizar o homem até a última atualização desta reportagem.

Por meio de nota, a Uber disse que repudia qualquer tipo de comportamento abusivo contra mulheres e acredita na importância de combater e denunciar casos de assédio e violência.

O motorista parceiro teve a conta desativada da plataforma assim que a empresa tomou conhecimento do episódio. A Uber disse ainda que se coloca à disposição para colaborar com as autoridades no curso das investigações.

Adolescente estava indo para casa ao sair de uma festa quando teria sido estuprada pelo motorista de app em Santos; imagem ilustrativa — Foto: Divulgação

“A Uber defende que as mulheres têm o direito de ir e vir da maneira que quiserem e têm o direito de fazer isso em um ambiente seguro. Desde 2018, a empresa participar ativamente do enfrentamento da violência contra a mulher. A empresa lançou o Podcast de Respeito e uma campanha educativa de combate ao assédio em parceria com o MeToo Brasil. A plataforma possui um canal de suporte psicológico para apoiar vítimas de violência de gênero, que será disponibilizado para a usuária”.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

pacientes-das-usafas-terao-aulao-na-praia-em-homenagem-ao-marco-azul-marinho-e-lilas

Prefeitura de Guarujá

Pacientes das Usafas terão aulão na praia em homenagem ao Março Azul Marinho e Lilás

Na programação, estão defesa pessoal, alongamento, body combat, hidroterapia na água do mar e o tradicional café da manhã Alongamento, defesa pessoal, body combat, hidroterapia, conscientização e o tradicional café da manhã. Os pacientes das Unidades de Saúde da Família (Usafas) de Guarujá terão, no próximo dia 8, às 8h30, um aulão com tudo isso e na melhor paisagem possível: na Praia da Enseada, em frente à Praça Horácio Lafer. […]

today1 de março de 2023 7

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%