G1 Mundo

Estado Islâmico assume autoria de ataque que matou 84 em homenagem a inimigo dos EUA no Irã

today4 de janeiro de 2024 9

Fundo
share close

A mensagem, transmitida em um canal dos terroristas no Telegram, faz coro com a versão defendida pelos Estados Unidos, que na quarta-feira negou autoria do ataque e disse que o atentado tinha características semelhantes a ações do Estado Islâmico.

Ao longo do dia, representantes do governo iraniano levantaram a possibilidade de que os EUA e Israel estivessem por trás das explosões, que aconteceram um dia depois de um ataque com drones matar um dos chefes do Hamas em Beirute, no Líbano. O governo libanês culpou o Exército israelense, e os dois episódios geraram temores de a guerra entre Hamas e Israel se propagar pelo resto da região.

No comunicado, o Estado Islâmico não divulgou as motivações para o atentado nem outras provas de autoria, mas o grupo era rival de Soleimani e se opõe também ao atual regime do Irã. O Estado Islâmico é formado por radicais sunitas, opositores de muçulmanos xiitas, como os que governam o Irã.



Os grupos financiados atualmente por Teerã, como o Hamas e o Hizbollah, também são xiitas.

O ataque, na quarta-feira (3), se deu por meio de duas explosões contra a multidão a poucos metros do túmulo de Soleimani, que fica no cemitério de Kerman, a cerca de 800 quilômetros da capital Teerã. Além das 84 mortes, houve 211 feridos, segundo serviços de emergência do Irã.

A primeira explosão, segundo o serviço de emergência de Kerman, aconteceu a cerca de 700 metros do túmulo do general iraniano. Já a segunda explosão ocorreu minutos depois, em um ponto mais afastado e perto das primeiras equipes de emergência que já haviam chegado, ainda de acordo com as autoridades locais.

Ainda na quarta, logo após o ataque, o líder supremo do Irã, o aiatolá Ali Khamenei, não nomeou culpados, mas afirmou que o ataque foi feito por “inimigos malignos e criminosos da nação iraniana”.

“Os inimigos malignos e criminosos da nação iraniana criaram mais uma vez uma tragédia e martirizaram um grande número do nosso querido povo em Kerman, na atmosfera perfumada dos túmulos dos mártires em Kerman”, declarou, em comunicado.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

atirador-mata-1-pessoa-e-fere-outras-5-em-escola-de-iowa,-nos-eua

G1 Mundo

Atirador mata 1 pessoa e fere outras 5 em escola de Iowa, nos EUA

Uma pessoa morreu e outras cinco ficaram feridas após um ataque a tiros em uma escola de ensino médio na cidade de Perry, no estado de Iowa, nos Estados Unidos, nesta quinta-feira (4). O atirador também morreu. A vítima que morreu cursava a sexta série, disse a polícia, que não revelou mais informações sobre os feridos. De acordo com as autoridades, o assassino aparentemente cometeu suicídio. Os oficiais continuam apurando […]

today4 de janeiro de 2024 2

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%