G1 Mundo

Estudantes pró-Palestina e pró-Israel entram em confronto na Universidade da Califórnia; vídeo

today1 de maio de 2024 8

Fundo
share close

Os alunos pediam para que as instituições rompessem laços financeiros com Israel, um aliado-chave dos Estados Unidos. Os estudantes consideram a relação com o país insustentável após a campanha militar israelense na Faixa de Gaza.

Em um vídeo divulgado pela agência de notícias Reuters (veja acima) é possível ver jovens usando paus, atirando objetos e disparando fogos de artifício para destruir o acampamento dos apoiadores da Palestina na universidade.

Segundo o reitor da UCLA, Gene D. Block, os atos de violência tendem a causar “profunda ansiedade e medo, especialmente nos estudantes judeus”.



A polícia afirmou no X (antigo Twitter) que“respondeu imediatamente ao pedido (das autoridades universitárias) de ajuda no campus”.

Estudantes pró-Palestina presos na Universidade de Columbia

Na noite desta terça (30), forças policiais expulsaram estudantes que protestavam contra Israel no campus da Universidade de Columbia, em Nova York.

Os estudantes haviam ocupado o Hamilton Hall horas antes, após montar um acampamento no início do mês. Depois de as forças policias entrarem no campus, manifestantes que resistiram acabaram detidos.

Pouco antes da operação, o Departamento de Polícia de Nova York recebeu um aviso de Columbia autorizando os policiais a agir, disse um policial à agência Associated Press. O funcionário não estava autorizado a discutir publicamente detalhes do assunto e falou sob condição de anonimato.

A polícia utilizou uma escada para acessar uma das janelas da universidade. Para apoiar na operação, foi disponibilizado um ônibus para levar os estudantes detidos.

Após a ação policial, manifestantes continuaram as manifestações nas ruas do entorno da universidade. Os gritos de ordem, dessa vez, foram conta a polícia de Nova York.

Polícia entra na universidade de Columbia

Polícia entra na universidade de Columbia




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

Notícias

Trabalhadores realizam atos e protestos no 1º de Maio pelo mundo; polícia e manifestantes entram em confronto em Paris

Na Turquia, dezenas de manifestantes foram detidos pelas forças de segurança quando tentavam chegar à emblemática Praça Taksim. Também foram registrados confrontos em protestos nas Filipinas que reivindicavam melhores salários. Outros atos de grande porte foram registrados na Coreia do Sul, em Taiwan e na Indonésia. Manifestantes participam de atos de 1º de Maio em Paris — Foto: Stephanie Lecocq/Reuters Na capital francesa, milhares se reuniram nas ruas com pautas difusas, que envolviam melhores salários, insatisfação com a reforma da […]

today1 de maio de 2024 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%