G1 Mundo

EUA autorizam extradição do ex-presidente Alejandro Toledo, acusado de corrupção, ao Peru

today23 de fevereiro de 2023 9

Fundo
share close

“Foi informado que o Departamento de Estado dos Estados Unidos da América concedeu a extradição de Alejandro Toledo Manríque pelos crimes de conluio e lavagem de dinheiro”, disse o Ministério Público peruano em mensagem no Twitter.

A procuradoria indica que está “realizando a coordenação” com as autoridades “nacionais e estrangeiras” para “a execução da extradição”.

Estimativas do Ministério Público peruano indicam que o procedimento pode ser concluído em alguns meses.



Residente nos Estados Unidos, Toledo foi preso em julho de 2019 por acusações de corrupção em seu país e vive em prisão domiciliar na Califórnia.

É acusado no Peru de ter recebido dezenas de milhões de dólares da construtora brasileira Odebrecht em troca de contratos de obras públicas. Os promotores pedem uma pena de prisão de 20 anos e seis meses para ele.

A justiça americana garante que o ex-presidente recebeu subornos da Odebrecht e que os documentos financeiros que comprovam o recebimento do dinheiro implicariam em sua admissão de recebimento de propina.

Toledo, no entanto, afirma ser inocente e acusa o falecido empresário Josef Maiman de receber os subornos.

Toledo, que estudou economia e posteriormente cursou um mestrado na prestigiosa Universidade de Stanford, na Califórnia, está perto de completar 77 anos.

A esposa do ex-presidente, a ex-primeira-dama e antropóloga peruana Eliane Karp, 69, também é apontada pela Ministério Público peruano em um dos casos de corrupção e sua extradição também foi pedida aos Estados Unidos.

Toledo faz parte de uma lista de ex-presidentes peruanos com processos judiciais ou condenados por corrupção: Alberto Fujimori (1990-2000), Ollanta Humala (2011-2016), Pedro Pablo Kuczynski (2016-2018), Martín Vizcarra (2018- 2020) e Pedro Castillo (2021-2022).




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

biden-diz-que-decisao-de-putin-de-suspender-acordo-nuclear-nao-indica-que-ele-pense-em-usar-armas-desse-tipo

G1 Mundo

Biden diz que decisão de Putin de suspender acordo nuclear não indica que ele pense em usar armas desse tipo

Putin se retirou temporariamente do tratado para controle de armas New START, que limita o número de ogivas nucleares estratégicas implantadas pela Rússia e pelos EUA, e alertou que Moscou pode retomar seus testes. Joe Biden durante discurso em 16 de fevereiro de 2023 — Foto: Kevin Lamarque/Reuters "É um grande erro fazer isso. Não é muito responsável. Mas eu não interpreto isso como se ele estivesse pensando em usar […]

today23 de fevereiro de 2023 16

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%