G1 Mundo

‘Exercícios da Otan marcam retorno às estratégias da Guerra Fria’, diz Rússia

today21 de janeiro de 2024 1

Fundo
share close

“Um exercício desta escala marca o regresso final e irrevogável da Otan às estratégias da Guerra Fria, quando o processo de planejamento militar, os recursos e as infraestruturas estavam sendo preparados para o confronto com a Rússia”, disse o ministro à agência de notícias estatal RIA.

“Estes exercícios são outro elemento da guerra híbrida desencadeada pelo Ocidente contra a Rússia”, disse Grushko à RIA.

Na última quinta-feira, a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) anunciou que vai convocar 90 mil soldados de países membros da aliança e da Suécia (leia mais abaixo).



O principal documento estratégico da Otan identifica a Rússia como a ameaça mais significativa e direta à segurança dos membros da organização.

Os militares vão participar de uma série de exercícios conjuntos que trabalharão com o cenário de um “ataque russo”, segundo o comandante-geral da Otan na Europa, o general Christopher Cavoli.

Moscou e o seu principal diplomata, o ministro dos Negócios Estrangeiros, Sergei Lavrov, acusam frequentemente o Ocidente de conduzir uma “guerra híbrida” contra a Rússia, apoiando a Ucrânia por meio de ajuda financeira e militar.

Exercício militar da Otan é o maior desde a Guerra Fria. — Foto: Kayan Albertin/g1

Segundo a Otan, para o exercício militar serão mobilizados mais de 1.200 veículos de combate:

  • Ao menos 50 navios, de porta-aviões a destróieres;
  • Mais de 80 caças, helicópteros e drones;
  • Pelo menos 1.100 veículos de combate, incluindo 133 tanques e 533 veículos de combate de infantaria.

Quando invadiu a Ucrânia, em fevereiro de 2022, a Rússia alegou estar se defendendo diante de uma ameaça da Otan, que travava conversas com o governo ucraniano para uma possível entrada do país no bloco.

As negociações foram interrompidas desde então, mas, após a guerra estourar, a Finlândia, vizinha da Rússia e com quem compartilha uma fronteira de mais de 1.300 quilômetros de extensão, decidiu ingressar na Otan.

A convocação recorde da Otan ocorre também no momento em que a Rússia intensificou ataques aéreos a grandes cidades na Ucrânia, em uma tentativa de mostrar força após meses sem conseguir avançar nas linhas de frente de batalha.

Atualmente, soldados russos controlam cerca de 20% do território ucraniano, em áreas no leste e no sul do país.

Entenda o que é a Otan

Entenda o que é a Otan




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

israel-confirma-morte-de-soldado-feito-refem-pelo-hamas

G1 Mundo

Israel confirma morte de soldado feito refém pelo Hamas

Segundo as forças israelenses, a família foi notificada e será acompanhada. Não há informações de como ele foi morto. O corpo, segundo a agência de notícias AFP, permanece na Faixa de Gaza. O anúncio eleva para 28 o número de reféns mortos e cujos corpos se encontram retidos no território palestino, segundo um balanço da AFP com base em dados israelenses. O primeiro- ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, sofre pressão […]

today21 de janeiro de 2024 1

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%