G1 Mundo

Golpe no Gabão: o que está acontecendo e quem é Ali Bongo?

today31 de agosto de 2023 6

Fundo
share close

Os militares do Gabão tomaram o poder logo após o anúncio dos resultados da eleição na qual Bongo teria sido reeleito. A oposição dizia que a eleição foi fraudada.

Bongo foi eleito pela primeira vez em 2009, logo após a morte de seu pai, Omar Bongo Ondimba, que governou o país por 41 anos.

O Gabão é a ex-colônia francesa na África mais recente a ter um golpe nos últimos anos — depois de Mali, Burkina Faso, Guiné e o Níger.



Leia abaixo um resumo sobre o que está acontecendo no Gabão.

Por que os militares tomaram o poder?

O golpe no Gabão foi comemorado nas ruas — Foto: Reprodução

Os defensores e executores do golpe discordam do resultado oficial das eleições, que diziam que Ali Bongo havia recebido dois terços dos votos.

Na terça, a oposição disse que o seu candidato, Albert Ondo Ossa, era o verdadeiro vencedor e que houve fraudes generalizadas.

Os chefes do exército disseram que decidiram “defender a paz ao colocar um fim no atual regime”, acrescentando que as eleições “não atenderam aos critérios de transparência, credibilidade e inclusão que o povo do Gabão tanto esperava”.

Após o anúncio, centenas de pessoas comemoram o golpe nas ruas.

Mapa mostra a posição de Gabão — Foto: Arte g1

O Gabão está localizado na costa oeste da África e é conhecido pela riqueza de seus recursos naturais, especialmente petróleo e cacau. No entanto, cerca de um terço da população vive na pobreza.

O país tem mais ou menos o mesmo tamanho do Reino Unido e é habitado por apenas 2,4 milhões de pessoas. Cerca de 90% do país é coberto por florestas.

Sob Ali Bongo, o país se tornou o primeiro país da África a receber pagamento por reduzir as emissões de carbono e proteger suas florestas.

O programa Iniciativa Florestal da África Central, apoiado pela ONU, deu cerca de US$ 17 milhões (R$ 87 milhões) para o país — a primeira parte de um acordo de US$ 150 firmado em 2019.

O país foi uma colônia francesa até 1960 e desde então teve apenas três presidentes.

O segundo, Omar Bongo, tinha um relacionamento próximo com a França em um sistema conhecido como “Francafrique”, no qual o governo gabonês recebia apoio político e militar em troca de negócios favoráveis.

A relação entre os países esfriou depois que o filho de Omar, Ali Bongo, venceu uma eleição disputada em 2009 e as autoridades francesas começaram uma longa investigação sobre corrupção envolvendo as posses da família — a investigação hoje não está mais ativa.

Ali Bongo foi deposto por golpe militar — Foto: Getty Images

Ali Bongo é conhecido por ser maçom, ser fanático por futebol e por ter lançado um álbum de funk (estilo musical americano, diferente do funk brasileiro) nos anos 1970, bem antes de se tornar presidente.

Seu nome de batismo é Alain Bernard Bongo. Ele ainda estava no primário quando seu pai, Omar Bongo, tomou o poder no Gabão em 1967.

Em 1973, a família se converteu ao islamismo e Alain mudou seu nome para Ali.

Ele foi educado para herdar o poder e trabalhou tanto como ministro da Defesa quanto como ministro das Relações Exteriores antes de se tornar presidente, após a morte de seu pai.

Em 2018, Ali sofreu um infarto que o deixou incapaz de trabalhar por quase um ano e levou a clamores para que ele renunciasse.

O presidente, no entanto, ignorou o clamor e concorreu à reeleição, decisão que levou à crise atual.

Em um vídeo, Ali Bongo afirmou que está “resistindo” e pediu para seus apoiadores “mostrarem suas vozes”.

“Meu filho está em algum lugar, minha esposa está em algum outro lugar… Eu não sei o que está acontecendo”, disse ele em inglês, antes de pedir ajuda.

Uma empresa de comunicação que estava trabalhando para a presidência durante a eleição confirmou para a BBC que o vídeo é verídico. Eles disseram que o gabinete de Bongo pediu para que as imagens fossem divulgadas.

VÍDEOS: mais assistidos do g1




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

coreia-do-norte-faz-exercicio-militar-para-simular-ataque-nuclear-a-coreia-do-sul

G1 Mundo

Coreia do Norte faz exercício militar para simular ataque nuclear a Coreia do Sul

A simulação foi feita como uma resposta aos exercícios que militares dos Estados Unidos e da Coreia do Sul fizeram recentemente. Imagens de exercício militar da Coreia do Norte em 30 de agosto de 2023 — Foto: KCNA/Via Reuters A Coreia do Norte fez um exercício militar no qual simulou como seria um ataque nuclear a alvos na Coreia do Sul que deixariam o país inimigo arrasado, informou a mídia […]

today31 de agosto de 2023 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%