G1 Mundo

Governo do Irã diz que ataque do Hamas mostra fragilidade de Israel; em Teerã, há comemoração em praça

today7 de outubro de 2023 96

Fundo
share close

O movimento islâmico armado Hamas bombardeou Israel em um ataque surpresa considerado um dos maiores sofridos pelo país nos últimos anos. O Hamas atacou com atiradores e também tomou reféns que foram levados à Faixa de Gaza.




Israel declara guerra após ataque do Hamas; entenda

Israel declara guerra após ataque do Hamas; entenda

O governo do Irã, um aliado do Hamas, afirmou que os ataques contra Israel neste sábado (7) foi autodefesa por parte dos palestinos.

O movimento islâmico armado Hamas bombardeou Israel em um ataque surpresa considerado um dos maiores sofridos pelo país nos últimos anos. O Hamas atacou com atiradores que mataram israelenses e também tomaram reféns que foram levados à Faixa de Gaza. Os ataques aconteceram principalmente na parte sul do país. Milhares de foguetes foram lançados e os militares de Israel afirmaram que “vários terroristas infiltraram-se no território israelita a partir da Faixa de Gaza”

Na mídia estatal iraniana, o porta-voz do governo, Nasser Kanaani, afirmou que o Irã considera “que essa operação é um movimento espontâneo de resistência do povo oprimido da Palestina para defender seus direitos e é uma reação natural às políticas provocadoras e belicosas dos sionistas”.

Ele ainda disse que o Irã considera que o regime de Israel e os apoiadores são os responsáveis pela violência e pelas mortes dos palestinos.

Homens armados palestinos que se infiltraram em áreas do sul de Israel, no lado israelense de Israel-Gaza — Foto: Reuters

Ali Akbar Velayati, um dos principais conselheiros do Líder Supremo do Irã, o Aiatolá Khamenei, afirmou em um comunicado que esta operação “certamente acelerará o colapso do regime sionista.

Outros representantes do governo iraniano repetiram que os ataques mostram que Israel está fragilizado.

Segundo a agência Reuters, vídeos transmitidos pela televisão estatal mostraram pessoas reunidas na Praça Palestina, em Teerã, para acompanhar as notícias dos confrontos, gritando “Morte a Israel” e soltando fogos de artifício.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!

http://g1.globo.com/

http://g1.globo.com/




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

brasileiro-relata-ter-visto-‘chuva-de-misseis’-em-ataque-do-hamas-a-israel

G1 Mundo

Brasileiro relata ter visto ‘chuva de mísseis’ em ataque do Hamas a Israel

Em entrevista concedida à GloboNews, o brasileiro conta que estava a cerca de 100 metros da Faixa de Gaza, em um festival, quando os ataques começaram. "Fui com um grupo de amigos para uma festa e estava tudo tranquilo, parecia ser uma noite perfeita", relata ele. "Mas então começou a amanhecer e nós escutamos os estrondos". Com cerca de 3,5 mil a 4 mil pessoas no festival, o barulho do […]

today7 de outubro de 2023 12

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%