Prefeitura de Guarujá

Guarujá tem mais de R$ 3,2 milhões liberados pelo Governo Federal

today24 de outubro de 2023 5

Fundo
share close

Das três obras contempladas com a verba, uma já foi entregue sem recurso do Ministério para evitar transtornos à população

A Prefeitura de Guarujá garantiu a liberação de mais de R$ 3,2 milhões, do Governo Federal, para três grandes e importantes obras para a Cidade. O anúncio, feito no dia 18, foi resultado de 185 ofícios enviados, 17 viagens à Brasília (DF), resultando em 58 reuniões presencias com a presença de secretários de Guarujá e o prefeito, além de técnicos dos ministérios do Turismo, da Fazenda, do Planejamento e Orçamento e Relações Institucionais da Presidência da República.

Parte do total de R$ 3.233.356,7 é referente ao valor integral dos R$ 1.529.214,00 para reforma e revitalização da infraestrutura de acesso ao Forte do Itapema, obra já finalizada sem recursos do Ministério.

Outros R$ 459.099,60 são referentes a 20% de R$ 2.295.498,00 para reforma da pavimentação de acesso ao Forte dos Andradas, na orla da Praia do Monduba, além de mais R$ 1.245.043,10 com referência a 5% de R$ 24.900.862,00 investidos para a revitalização da infraestrutura e reforma na pavimentação da Avenida D. Pedro I, acesso à orla da Enseada, Praia de Pernambuco e Serra do Guararu.

Empenho



A secretária de Planejamento de Guarujá, explica que foi necessário muito empenho para obter esses retornos positivos. “Nosso empenho e esforço são para que as obras que estão com ordem de serviço não sejam desmobilizadas por falta de repasses do convenente. Expedimos muitos ofícios e fizemos muitas reuniões. E deu certo”, comemora.

Com o objetivo de garantir a realização de cada uma das intervenções, o secretário de Infraestrutura e Obras, não mediu esforços e intervenções junto a cada empresa para evitar não só qualquer paralisação, mas também maiores transtornos à população e custos adicionais devido ao não cumprimento do cronograma inicial e à necessidade de reajustes aos contratos.

Mudanças

As contratações são de Emenda de Relator (RP9), conforme o Decreto Nº 11.415 (Anexo XVIII), de 16 de fevereiro de 2023. Na época, não havia limite financeiro para o Ministério do Turismo efetuar o pagamento de contratos.

Vale lembrar que o plenário do Supremo Tribunal Federal, em caráter liminar, entendeu que as emendas de relator são inconstitucionais.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Prefeitura de Guarujá.

Por: Geilton Junior

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

corpo-de-jovem-que-se-afogou-em-ilha-comprida-e-sepultado-em-sorocaba

G1 Santos

Corpo de jovem que se afogou em Ilha Comprida é sepultado em Sorocaba

Sepultamento foi realizado na manhã desta terça-feira (24), no Cemitério Santo Antônio. Luiz Rodrigo Araujo Alves, de Sorocaba (SP), morreu afogado em Ilha Comprida (SP) — Foto: Arquivo pessoal O velório de Luiz Rodrigo Araujo Alves foi feito na casa de uma amiga e o sepultamento aconteceu às 9h, no Cemitério Santo Antônio. O corpo do jovem foi encontrado no domingo (22), um dia após ter desaparecido no mar. A […]

today24 de outubro de 2023 3

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%