G1 Santos

Homem é preso após tentar agredir a ex-namorada dentro da delegacia da mulher por suspeitar de traição no litoral de SP

today28 de agosto de 2022 21

Fundo
share close

Vítima estava na unidade para relatar ameaças de morte que recebeu após o fim do relacionamento.

Xingamentos e ameaças do ex-namorado foram feitas por mensagems no celular, antes do término do relacionamento no litoral de SP (imagem ilustrativa) — Foto: Matheus Tagé/A Tribuna Jornal



Um homem de 34 anos foi preso em flagrante após tentar agredir a ex-namorada dentro da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Itanhaém, no litoral de São Paulo. Segundo a Polícia Civil, a vítima, de 24 anos, foi até o local para relatar à corporação as ameaças de morte que recebeu do ex-namorado após o término do relacionamento.

A jovem, que não teve a identidade divulgada, foi seguida pelo homem até o local. Ela informava à investigadora da unidade sobre o comportamento agressivo do ex-namorado quando ele entrou na DDM para agredí-la, segundo a polícia. Os agentes o seguraram e o prenderam em flagrante pelos crimes de ameaça, injúria e violência doméstica.

De acordo com boletim de ocorrência, obtido pelo g1 neste domingo (27), o casal namorou por um ano, mas a jovem decidiu romper o relacionamento via WhatsApp em uma madrugada após um desentendimento. Por volta das 6h, o homem enviou uma série de mensagens com ameaças e xingamentos.

Sua v******** e a********, você vai ver. Não vou deixar passar em branco. Você vai se f…. comigo. Se meteu com o homem errado. Pode ir na polícia

— Ameaças e xingamentos do ex-namorado à vítima

Ainda segundo o boletim de ocorrência, as mensagens foram encaminhadas após o ex-namorado ver que um homem curtiu uma foto da jovem em uma rede social, motivo pelo qual ele acreditava ter sido traído. À corporação, a vítima negou qualquer traição, e alegou não ser a primeira vez que fora ofendida por ele.

Conforme registrado no documento, ao receber as mensagens, a jovem acionou a Polícia Militar (PM) por telefone, e fora aconselhada a comparecer na DDM. A unidade ainda estava fechada. Por isso, após muita insistência por parte do homem, ela decidiu encontrá-lo para conversar em um local público. Porém, com medo, impôs a condição de fazê-lo apenas na presença de uma testemunha.

Homem tentou agredir ex-namorada dentro de unidade da DDM no litoral de SP — Foto: Polícia Civil/Divulgação

No diálogo, o ex-namorado teria tentado reatar o relacionamento, mas sem sucesso. A mulher entrou no carro para ir embora, mas, ainda segundo o BO, ele a seguiu aos berros. Após o episódio, ela decidiu retornar à DDM, que já estava aberta.

Após tentar agredí-la e ser contido por agentes da unidade, o homem confirmou à corporação que xingou a vítima e que “falou besteiras na hora do nervosismo”. Segundo as duas partes, nunca houve agressão física durante o relacionamento. Ele foi conduzido ao sistema penitenciário.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos

Newsletter G1 Created with Sketch.

O que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.

Para se inscrever, entre ou crie uma Conta Globo gratuita.

Obrigado!

Você acaba de se inscrever na newsletter Resumo do dia.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

professora-relata-perseguicao-e-agressao-dentro-de-escola-estadual-no-litoral-de-sp:-‘me-assusta-muito’

G1 Santos

Professora relata perseguição e agressão dentro de escola estadual no litoral de SP: ‘me assusta muito’

Michele de Sá Ramos Teixeira afirma ser perseguida por outro professor e pela esposa dele. Vídeos obtidos pelo g1 mostram parte da agressão e ameaça. Professora relata perseguição e agressão dentro de escola estadual no litoral de SP A professora de matemática Michele de Sá Ramos Teixeira, de 46 anos, descreveu a perseguição que está sofrendo de outro professor há cinco meses na Escola Estadual Professora Judith Sant'ana Diegues, em […]

today28 de agosto de 2022 10

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%