G1 Santos

Idosa sofre ‘banguela’ após investir R$ 4 mil em próteses que caíram seis vezes: ‘não consigo morder nada’

today21 de dezembro de 2023 2

Fundo
share close

Uma idosa de 70 anos tem sofrido, desde novembro, com a queda de seis próteses dentárias, que não fixam nos implantes, dois deles novos. Ela contou ao g1, nesta quinta-feira (21), já ter recolocado os dentes mais de seis vezes e, sem solução, informou que vai acionar a Oral Sin na Justiça. A empresa foi procurada pela reportagem, mas não respondeu.

A paciente contou já ter investido R$ 4.401 no tratamento orçado em R$ 8.139, mas, diante dos problemas, não quer pagar as seis parcelas restantes. Sem querer se identificar, ela disse já ter registrado Boletim de Ocorrência e feito reclamações em sites voltados a consumidores.

De acordo com a aposentada os problemas começaram em novembro do ano passado, quando o responsável pela clínica a orientou a refazer as próteses superior. A recomendação foi para deixá-la semelhante à prótese inferior. Ele também sugeriu dois implantes dentários [cilindros metálicos onde as próteses são fixadas].



Ela tinha quatro implantes, fez mais dois e mandou confeccionar, portanto, seis próteses novas. “São essas que estão caindo. O material é de quinta categoria. O problema é a prótese, os implantes não posso reclamar”.

A paciente contou que já tinha tido problemas com as próteses da parte inferior, mas deixou passar. A revolta da idosa se dá pelo fato do alto investimento para um procedimento que foi sugerido pelo profissional da Oral Sin. “Eu nem ia fazer, ele [dentista] insistiu para que fizesse”

“Fiquei banguela umas 4 vezes. Tive que tirar [as próteses] e ficar dois dias sem nada. Nunca tinha me visto sem dente, imagina o trauma”, disse.

Segundo a aposentada, o profissional volta a colar as próteses no implante, mas os dentes continuam a cair com frequência.

Ao reclamar para o dentista, ela disse que o profissional ironizou, a desrespeitou e disse que ele não foi atrás dela para oferecer o tratamento, que ela o procurou. A mulher, que está passando problemas pessoais com o filho que está em tratamento contra o câncer, ficou nervosa.

“Ele começou a me gravar e falar que eu estava dando show. Tenho 70 anos, fiquei nos nervos, fui tirar o celular dele e ele pegou no meu braço, ficou uma marca roxa”. Ela contou ter passado mal por causa da pressão alta e que precisou ser levada pela irmã ao pronto-socorro.

Além de conversar sobre a situação na clínica, a idosa fez uma reclamação em um site, que resultou em uma proposta da empresa. A sugestão era que ela pagasse duas de seis parcelas, retirasse a queixa e então teria a isenção de quatro boletos. “Estão me chamando de palhaça”.

A idosa contou aguardar o advogado dela retornar do recesso de final de ano para entrar na Justiça contra a empresa. Ela afirmou que as próteses caem com frequência e não consegue sair de casa sem dente, por sempre ter se considerado muito vaidosa. O caso foi registrado na Delegacia Eletrônica como injúria, e é investigado pelo 1º Distrito Policial (DP) do município.

“Foi a pior coisa que eu fiz. Desde que ele tirou a prótese antiga e colocou essa porcaria, eu não consigo morder nada. Tudo que tiver que cortar, tenho que usar faca. Tudo tem que estar cortadinho, o dente não tem corte nenhum […]. Joguei meu dinheiro fora”, finalizou.

Procurado, o Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (Crosp) informou ao g1 que está à disposição para atuar na conciliação ou mediação entre as partes, a fim de auxiliar na solução, mas que pedidos de devolução de valores devem ser solicitados ao Poder Judiciário.

O Crosp ressaltou que caso haja interesse em denunciar o profissional, sem a possibilidade de conciliação, é necessário protocolar presencialmente na sede ou em uma das seccionais. Mais informações podem ser consultadas neste link.

Implantes e próteses dentárias

Feitos de titânio e porcelana, os implantes dentários são uma forma segura e duradoura para a reabilitação bucal — Foto: Arquivo (imagem ilustrativa)

Segundo o Crosp, os implantes dentários são cilindros metálicos com rosca semelhante a um parafuso que são introduzidos no osso da mandíbula ou da maxila, substituindo as raízes dos dentes perdidos e servirão para suportar as próteses que reproduzirão as coroas dos dentes.

As próteses dentárias têm o objetivo de restabelecer a função, forma e estética dos dentes que foram danificados ou perdidos, devolvendo ao paciente o sorriso e autoestima, sendo que há alguns tipos: a unitária e parcial fixa — ambas sobre dentes e implantes –, além da parcial removível e total.

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

cao-abandonado-e-coberto-por-piche-e-resgatado-no-litoral-de-sp:-‘poderia-ter-morrido’,-diz-veterinario;-video

G1 Santos

Cão abandonado e coberto por piche é resgatado no litoral de SP: ‘poderia ter morrido’, diz veterinário; VÍDEO

O resgate aconteceu na Avenida Irmã Dolores, na Lagoa do Quarentenário, na última terça-feira (19). O animal foi levado em seguida para uma clínica veterinária no município, onde passou por aproximadamente oito horas de tratamento para a retirada da maior parte do piche. Ao g1, o veterinário Gustavo Palmieri, responsável pelos cuidados com o cão, explicou que o animal poderia ter morrido de duas maneiras caso não fosse resgatado a […]

today21 de dezembro de 2023 1

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%