G1 Santos

Idoso é condenado por estuprar a neta adolescente enquanto a avó dormia na mesma cama

today23 de junho de 2023 9

Fundo
share close

Um idoso foi condenado a 12 anos e 9 meses de prisão por estuprar a neta em Praia Grande, no litoral de São Paulo. O g1 apurou, nesta sexta-feira (23), que o crime teria acontecido na casa do homem, enquanto a vítima, na época com 14 anos, estava deitada em uma cama entre ele e a avó, já adormecida. A defesa de Edis César Vedovatti, de 72 anos, afirmou que vai recorrer na Justiça.

A decisão é do juiz Vinicius de Toledo Piza Peluso, da 1ª Vara Criminal da Comarca de Praia Grande. O estupro de vulnerável, segundo a sentença, aconteceu em julho de 2011, no bairro Tupi. A vítima relatou à Justiça que o avô passou as mãos nas partes íntimas dela, por baixo da camisola e da calcinha. Ela disse também que, no dia seguinte, ele pediu desculpas e tentou ‘comprá-la’ com presentes.

O magistrado declarou na sentença que a vítima relatou “sempre de forma coerente” o abuso sofrido. O juiz considerou também não existir indícios de que os depoimentos sejam frutos de invenção, em suposto ‘complô’ dela com os pais – como apontado pela defesa de Vedovatti -, querendo de forma “gratuita” prejudicar o avô por meio de uma acusação grave por “motivos financeiros”.



Ao g1, o advogado do acusado, Eugênio Malavasi, afirmou que a sentença contrariou a evidência do processo. O profissional acrescentou que irá recorrer à decisão, de modo a atacar os fundamentos da condenação.

Conforme registrado na decisão, a vítima afirmou à Justiça que era comum dormir na cama dos avós até o ocorrido. Segundo ela, a situação aconteceu à noite, quando a avó já tinha adormecido e o avô assistia televisão.

A jovem disse também ter demorado para contar sobre o caso à família por medo do avô, que teria ameaçado matar o pai dela, genro dele. Ela afirmou passar por acompanhamento psicológico desde muito nova, com o abuso sendo um dos principais motivos para o tratamento.

De acordo com o documento, Vedovatti negou o crime e disse que a neta é inocente e “influenciada” pelos pais no caso “armado” pelo genro. O idoso acrescentou não ter boa relação com o pai da vítima, homem que, segundo ele, “nunca trabalhou” e disse que, um dia, gastaria todo o dinheiro dele.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

jovem-arrastada-por-carro-e-vista-como-‘milagre’-por-medicos-lembra-da-batida-e-de-ter-pensado:-‘morri’

G1 Santos

Jovem arrastada por carro e vista como ‘milagre’ por médicos lembra da batida e de ter pensado: ‘morri’

“É difícil. Eu ainda não acredito no que aconteceu, tanto que, enquanto eu estava no chão esperando o socorro, pensava: 'Tomara que eu esteja tendo um pesadelo e acorde daqui a pouco’. Mas não era [pesadelo]”, relata. O acidente ocorreu na Avenida Ayrton Senna da Silva, próximo ao Shopping Litoral Plaza. De acordo com o boletim de ocorrência, Danielle estava na garupa da moto do namorado, quando uma BMW saiu […]

today23 de junho de 2023 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%