G1 Santos

Importação da China ajuda vendedores do e-commerce a competir espaço no mercado.

today3 de maio de 2024 2

Fundo
share close

Atualmente, a grande dor das empresas brasileiras de pequeno e médio porte que trabalham com vendas de produtos é a disputa incansável por melhores preços.

E a partir de um problema tão comum, o Método 12P surgiu como uma solução que possibilita empresas com menor poder aquisitivo entrarem no ramo da importação, com foco na China.

Atualmente, a principal origem dos produtos comercializados no Brasil – e no Mundo – são fabricados na China, que em outros cenários também são fornecedores de matéria prima para nossa indústria.



Apesar das fabricantes chinesas oferecerem ótimos preços, fazer com que essa carga atravesse o mundo e seja legalizada não é um processo acessível para a grande maioria das empresas.

A partir dessa problemática, uma empresa com DNA brasileiro nasceu na China e começou a viabilizar projetos de importação com investimentos que eram acessíveis para empresas menores.

Sem a necessidade de estar na China, ou saber falar outra língua além do português, o 12P possibilitou para empreendedores que não possuem alto valor para investimento, um processo de importação seguro, e mais econômico, através do container compartilhado, e também através de uma estrutura própria na China, com agentes que trabalham visitando fábricas.

Compartilhar armazenamento de um container não é uma novidade no comércio exterior, porém, a proposta de estruturar um projeto de importação, diretamente da China, trouxe maior segurança para quem é novo nessa área.

E foi assim, transformando empresários em importadores profissionais, que o 12P conseguiu modificar a história de mais de seis mil empresas brasileiras.

Mas antes de dar entrada no primeiro passo, há um time dedicado para dar as instruções para que os novos importadores entrem em ação..

“Assim que recebemos o contato de uma empresa que tem interesse em importar, começamos o atendimento para entender o atual cenário dele, e quais são as expectativas ao começar importar. Isso é fundamental para ‘diagnosticar’ se naquele momento a importação vai ajudar o negócio dele”, explicou Ariane, coordenadora comercial.

Na sequência é dado o início do primeiro passo, ou seja, a definição do produto. O time especialista em operações na China aponta esse momento como o divisor de águas para o sucesso no desenvolvimento do projeto.

“Muitas vezes, esse novo importador chega querendo saber quais são os melhores produtos pra importar. Sempre falamos, o melhor produto é aquele que deu preço na simulação, e que você sabe vender. Afinal, esse é o objetivo principal. Ter uma boa compra, para ter uma boa venda!”, explicou José Neto, gerente geral do 12P.

Para Gabriel Xavier, coordenador de operações China, quem aposta em novas oportunidades no mercado da importação consegue ter resultados melhores.

“Muitos vem até a gente com a intenção de crescer, mas se ficam trabalhando com um único produto, limita muito o crescimento do próprio negócio. Temos diversos clientes que ouviram nossas sugestões de mercado e de produto, e agora estão aproveitando as oportunidades por terem expandido para outros nichos”, argumentou o coordenador.

Neto alerta que a expansão não está apenas na escolha de produtos de outros nichos, mas também, no desenvolvimento do conhecimento técnico para entender quem é o público e quem será o consumidor final.

A recomendação do José Neto é que o importador estude o novo produto para ter afinidade, desde o instante em um projeto de importação está em desenvolvimento, até o momento em que a carga está a caminho para o Brasil.

Sua primeira importação chegou!

Gustavo Campos se tornou importador profissional apostando no segmento de construção civil — Foto: Foto: Mamba Digital – Kaique Reis

Para celebrar e marcar a entrega da primeira importação, existe a tradição dos líderes responsáveis pelo desenvolvimento do projeto irem até a empresa do importador, acompanhar a entrega da carga, e a placa de certificação de importador profissional.

“Esse momento é tão especial, que deslocamos nossa equipe cinematográfica para registrar cada momento, não importa onde nosso cliente esteja, nós iremos até ele. E pra concluir, entregamos uma placa simbólica, para assegurar que ele conseguiu transformar a empresa em uma importadora.”

Gustavo Campos, proprietário da Decora Floor, se tornou membro do 12P, e seu primeiro projeto foi no segmento de construção “Queríamos importar pisos, e foi aí que encontramos a 12P. Eles nos ajudaram do zero. Apostamos no ramo de construção para termos competitividade e ter um preço melhor para o consumidor final. A importação nos ajudou a melhorar nosso crescimento, hoje temos um faturamento satisfatório graças a importação”.

Os resultados de importação bem sucedida podem ser conferidos através das mídias sociais, como parte da série “Tour 12P – Conhecendo Importadores 12P”. Cada episódio retrata a história de um importador que decidiu apostar em carregamentos trazidos da China.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

laboratorio-de-quimica-pega-fogo-em-escola-estadual-e-destroi-materiais-em-santos,-sp

G1 Santos

Laboratório de química pega fogo em escola estadual e destrói materiais em Santos, SP

Aulas já tinham sido encerradas quando o incêndio começou na escola estadual Professor Suetônio Bittencourt Junior. O incêndio aconteceu na Escola Estadual Professor Suetônio Bittencourt Junior, em Santos (SP) — Foto: Alexsander Ferraz/A Tribuna Jornal O laboratório de química de uma escola pegou fogo em Santos, no litoral de São Paulo. Segundo apurado pelo g1, as aulas já tinham sido encerradas quando começou o incêndio. Ninguém ficou ferido, mas os […]

today3 de maio de 2024 5

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%