G1 Mundo

Incêndio em oficina de bicicletas elétricas deixa 4 mortos em Nova York

today21 de junho de 2023 6

Fundo
share close

Nos últimos anos, a oficina foi advertida e multada diversas vezes pelas condições em que armazenava e carregava as baterias, utilizando extensões.


Bombeiros perto de oficina de bicicletas elétricas que pegou fogo em Nova York, em 20 de junho de 2023 — Foto: Spencer Platt/AFP



Quatro pessoas morreram nesta terça-feira (20) no incêndio de uma oficina de bicicletas elétricas em Chinatown, o bairro chinês de Manhattan, informou o Departamento dos Bombeiros de Nova York.

Além dos quatro mortos, outros seis ficaram gravemente feridos, disse a chefe dos bombeiros de Nova York, Laura Kanavagh.

Kavanagh disse que está muito claro que o incêndio foi causado pelo grande número de baterias de lítio e bicicletas elétricas que havia na oficina, situada no térreo de um edifício residencial dessa região bastante movimentada de Nova York.

Nos últimos anos, a oficina foi advertida e multada diversas vezes pelas condições em que armazenava e carregava as baterias, utilizando extensões.

Tampouco dispunha de um lugar específico para carregar as baterias de lítio, que provocaram este ano uma média de três incêndios por semana em Nova York, com um total de 13 mortes, afirmou Kavanagh.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

seguranca-morto-em-balada-era-um-dos-lideres-de-uma-igreja-no-litoral-de-sp:-‘instrumento-de-deus’,-disse-pastor

G1 Santos

Segurança morto em balada era um dos líderes de uma igreja no litoral de SP: ‘instrumento de Deus’, disse pastor

O segurança que morreu após ser baleado enquanto trabalhava em uma balada em Itanhaém, no litoral de São Paulo, era presbítero de uma igreja na cidade - líder da congregação cristã. O pastor Moisés Ribeiro, de 50 anos, contou ao g1, nesta segunda-feira (19), que Gustavo Adolfo Lopes Oliveira de Carvalho, de 33 anos, era seu braço direito na Igreja Apostólica Um Novo Cântico. “Ajudava a dirigir os cultos, a […]

today20 de junho de 2023 8

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%