G1 Mundo

Israel x Hamas: uma semana de guerra em imagens

today14 de outubro de 2023 16

Fundo
share close

Sábado (7) o Hamas deflagrou uma série de ataques terroristas contra Israel, que imediatamente deu início à contraofensiva. O resultado de sete dias de conflito: 3.500 mortos, sendo 2.200 palestinos e 1.300 israelenses. E nenhuma previsão de cessar-fogo. De ambos os lados, apenas crueldade, dor, desolação, indignação…

A seguir, algumas das imagens mais impactantes da guerra.

Um festival de música eletrônica que acontecia em Israel, perto de Re’im, foi um dos locais que o Hamas fez mais vítimas no sábado (7). O ataque bárbaro deixou mais de 260 mortos.



Uma jovem israelense e o namorado, que estavam na rave, foram sequestrados pelos terroristas. Ela foi homenageada pelo governo de Israel nesta quinta (12), dia em que completou 26 anos.

Próximo ao festival, câmeras de carros de cidadãos israelenses gravaram momentos em que terroristas atiraram contra veículos em movimento e espancaram um homem rendido.

A repórter da Al Jazeera Youma El Sayed foi surpreendida pela explosão de um míssil que atingiu um prédio em Gaza enquanto participava ao vivo de um jornal. O prédio foi atingido novamente depois e desabou.

Israel respondeu aos ataques com inúmeros bombardeios na Faixa de Gaza.

O grupo terrorista atacou ao menos dois kibutzim, comunidades agrícolas israelenses, na fronteira com Gaza. Em Be’eri, construções inteiras foram destruídas e mais de 100 pessoas morreram. Integrantes do Hamas também morreram no combate.

O Hamas usou drones comerciais, daqueles vendidos em lojas, para ajudar na ofensiva. Os equipamentos voaram sobre os muros de ferro e lançaram explosivos em soldados israelenses, nas torres de vigilância na fronteira.

Israel respondeu com ataques aéreos com caças e drones militares, bem mais avançados. Durante a madrugada da sexta (13), informou ter atingido mais de 750 alvos do Hamas.

Israel conta com um sistema de defesa conhecido como “Domo de Ferro”, uma tecnologia que calcula a trajetória de mísseis e foguetes inimigos e os intercepta também com mísseis. Mesmo com o avançado escudo antiaéreo, vários foguetes do Hamas atingiram diferentes cidades do país.

O jornalista Issam Abdallah, da agência Reuters, morreu nesta sexta em um bombardeio no sul do Líbano, na fronteira norte de Israel. Ele trabalhava junto com uma equipe de imprensa na região e foi atingido enquanto transmitia ao vivo um dos bombardeios. Três outros jornalistas ficaram feridos.

Veja imagens marcantes da primeira semana do conflito entre Israel e o Hamas

Veja imagens marcantes da primeira semana do conflito entre Israel e o Hamas




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

exercito-israelense-diz-que-ha-126-refens-em-poder-do-hamas

G1 Mundo

Exército israelense diz que há 126 reféns em poder do Hamas

Além disso, 279 soldados de Israel foram mortos desde o último sábado (7), quando o país foi invadido pelos terroristas. As IDF informaram neste sábado (14) que, durante suas operações desta semana na Faixa de Gaza, encontraram os corpos de algumas das pessoas sequestradas há uma semana pelo movimento islamista palestino Hamas. "Encontramos e localizamos no perímetro da Faixa de Gaza alguns corpos de israelenses que tinham sido sequestrados", indicou […]

today14 de outubro de 2023 14

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%