Gospel Prime

Menino enfrenta conselho escolar por usar camiseta “só existem 2 gêneros”

today9 de maio de 2023 10

Fundo
share close

Um vídeo de um aluno do ensino médio denunciando sua escola por tê-lo punido por usar uma camiseta declarando que existem apenas dois gêneros se tornou viral, pois a família da criança considera a possibilidade de tomar medidas legais contra o distrito escolar.

Nesse sentido, o vídeo mostra Liam Morrison, um estudante de 12 anos da Nichols Middle School em Middleborough, Massachusetts, dirigindo-se ao comitê escolar na semana passada. Até a tarde de segunda-feira, o vídeo já havia recebido 3,9 milhões de visualizações.

Segundo The Christian Post, o vídeo, tirado de uma reunião do comitê escolar em 13 de abril, mostra o aluno explicando que ele “nunca pensou que a camiseta que usei para ir à escola em 21 de março me levaria a falar com vocês hoje”.

“Naquela manhã de terça-feira, fui retirado da aula de educação física para me sentar com dois adultos para o que acabou sendo uma conversa muito desconfortável. Disseram-me que as pessoas estavam reclamando dos dizeres em minha camiseta, que minha camiseta estava fazendo com que alguns alunos se sentissem inseguros”, lembrou ele.

Segundo Liam, eles o disseram que ele não estava em apuros, mas ele sentiu como se estivesse. Os funcionários da escola disseram que ele deveria tirar a camiseta antes de voltar à sala de aula. Quando Liam disse a eles que não queria fazer isso, eles chamaram seu pai.



Desse modo, Morrison observou que sua camiseta continha “palavras simples” proclamando que “existem apenas dois gêneros”. Ele insistiu que as palavras em sua camiseta não representavam nada prejudicial, nada ameaçador, apenas uma declaração que acredita ser um fato.

“Me disseram que minha camiseta tinha como alvo uma classe protegida. Quem é essa classe protegida? Seus sentimentos são mais importantes do que meus direitos? Eu não reclamo quando vejo bandeiras do orgulho e pôsteres de diversidade pendurados por toda a escola. Sabe por quê? Porque os outros têm direito a suas crenças, assim como eu”, continuou.

Por fim, Morrison concluiu expressando confiança de que usar uma camiseta com essas palavras estava dentro de seus direitos da Primeira Emenda. Ele compartilhou sua esperança de que o comitê escolar “se pronuncie pelo resto de nós para que possamos nos expressar sem sermos retirados da sala de aula”.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Gospel Prime.

Por: Redacao

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

pelo-menos-40-cristaos-sao-sequestrados-de-igreja-durante-culto

Gospel Prime

Pelo menos 40 cristãos são sequestrados de igreja durante culto

De acordo com International Christian Concern, homens armados sequestraram 40 cristãos no domingo, durante o culto na igreja no norte da Nigéria. Segundo o reverendo Joseph John Hayan, presidente da Associação Cristã da Nigéria (CAN) no estado de Kaduna, o ataque ocorreu no domingo, quando homens armados atacaram os fiéis durante um culto na Igreja Batista Bege, na vila de Madala, na área do governo local de Chikun. Além disso, […]

today9 de maio de 2023 7

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%