G1 Mundo

Ministério Público da Venezuela emite mandado de prisão contra opositor Juan Guaidó

today6 de outubro de 2023 7

Fundo
share close

De acordo com o procurador, o órgão vai pedir que a Interpol emita um alerta vermelho para a captura de Guaidó. A solicitação será baseada em investigações de um tribunal dos Estados Unidos.

O MP da Venezuela afirma que a Corte dos Estados Unidos apurou que Guaidó usou recursos da PDVSA — estatal de produção de petróleo — para pagar despesas pessoais, além de obrigar a empresa a aceitar condições de refinanciamento de uma dívida da estatal.

O órgão diz ainda que as ações de Guaidó diante da estatal petroleira causaram prejuízos de US$ 19 bilhões (R$ 98 bilhões), além da perda quase definitiva da Citgo, que é uma subsidiária da PDVSA nos Estados Unidos.



“O governo [autoproclamado] de Guaidó acessou ativos das subsidiárias da PDVSA nos EUA e os utilizou para se financiar, contornando qualquer direito que a PDVSA possa ter sobre os dividendos corporativos”, disse o procurador.

Quando Guaidó se autoproclamou presidente da Venezuela, o líder venezuelano foi reconhecido por vários países, como os Estados Unidos.

Durante um pronunciamento, Saab afirmou que as investigações apontam que Guaidó é um “criminoso internacional” e chefe de uma “gangue criminosa” estruturada.

“Foram designados promotores para emitir uma ordem de prisão contra ele e a respectiva solicitação de alerta vermelho da Interpol para que este indivíduo pague por esses crimes que a Justiça dos Estados Unidos da América está ciente e divulgando”, disse Saab.

De acordo com o Ministério Público, Guaidó é investigado por traição, usurpação de funções, desvio e lavagem de dinheiro, além de outros crimes.

Além disso, o governo interino do opositor venezuelano é alvo de mais de 25 investigações do Ministério Público por usurpação de funções, lavagem de dinheiro, terrorismo, tráficos de armas, traição e associação.

O Ministério Público informou que o governo autoproclamado de Guaidó fez nomeações fictícias para os conselhos administrativos de empresas estatais, além de embaixadores e encarregados de negócios para representar a Venezuela em outros países.

Todas as investigações que envolvem Guaidó e o governo autoproclamado, segundo o MP da Venezuela, já resultaram e 129 prisões e 63 condenações.

“Isto revela a luta incansável do Ministério Público contra aqueles que traem o país e procuram quebrar o clima de estabilidade política, de paz e de convivência pacífica que tanto nos tem custado às instituições e ao povo em termos que são um exemplo para o mundo”, afirmou Saab.

Atualmente, a oposição da Venezuela se organiza para definir um candidato que possa enfrentar Nicolás Maduro nas eleições presidenciais de 2024.

VÍDEOS: mais assistidos do g1




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

ex-assessora-de-deputado-george-santos,-filho-de-brasileiros,-se-declara-culpada-em-acusacao-nos-eua

G1 Mundo

Ex-assessora de deputado George Santos, filho de brasileiros, se declara culpada em acusação nos EUA

Nancy Marks afirmou ser culpada por supervalorizar os números de arrecadação de fundos da campanha do deputado para o Congresso dos EUA em 2022. Deputado dos EUA George Santos deixa seu escritório no Capitólio em Washington no dia 31 de janeiro de 2023 — Foto: Evelyn Hockstein/REUTERS A ex-tesoureira de campanha do deputado norte-americano George Santos, que é filho de brasileiros e foi indiciado por acusações de fraude, se declarou […]

today6 de outubro de 2023 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%