G1 Santos

Mulher mobiliza web para encontrar casaco que ganhou de presente do pai que morreu: ‘valor afetivo’

today20 de setembro de 2022 11

Fundo
share close

Sandra Maria Alves, de 44 anos, contou que se sentia confiante ao vestir a roupa que perdeu entre a travessia de balsas entre Santos e Guarujá, no litoral de SP.

Assistente social de Cubatão (SP) acredita que alguém possa ter encontrado casaco para devolvê-lo — Foto: Arquivo Pessoal



A assistente social Sandra Maria Alves, de 44 anos, perdeu um casaco que havia ganhado do pai, que já morreu, enquanto fazia a travessia de balsas entre Guarujá e Santos, no litoral de São Paulo. Ela pediu ajuda nas redes sociais para tentar recuperá-lo. Ao g1, a moradora de Cubatão (SP) que se sentia confiante com a roupa.

Ela disse que entrou na balsa em Vicente de Carvalho, no distrito de Guarujá, por volta das 11h40 do dia 8 de setembro. Sandra lembra de tê-lo colocado no banco mas, como ela estava com sono, dormiu. Ao acordar, ela diz não ter mais encontrado nada, nem mesmo os demais passageiros. “Quando abri os olhos, vi que não tinha ninguém mais [dentro da balsa], então lembro que sai correndo”.

A assistente social disse que foi até o guichê das balsas para verificar se alguém tinha encontrado o casaco, mas ninguém tinha deixado a roupa com os funcionários. “Na sexta-feira (9) [dia seguinte], fui até lá e atravessei para Guarujá. Não custa nada perguntar [para os funcionários] mais uma vez né? E tornaram a repetir que não”.

Segundo Sandra, o casaco carrega uma memória afetiva. “Eu acordo e lembro do meu casaco. Se não houvesse um valor afetivo não me importaria”.

“É um casaco que tem importância, valor afetivo, entendeu? Ele tem história comigo, fui com ele para Torres Del Paine, Chile e Argentina. Ele não é caro, mas é o sentimento que tenho por ele. Me acompanhou em minhas viagens, realizações, tinha um carinho por tudo isso”, disse.

Sandra ganhou o casaco do pai em 2014 e, em agosto do ano seguinte, ele morreu. “Sou meio minimalista em ter coisas, só tinha esse casaco e mais um outro, não costumo ter muita coisa”.

“Às vezes pode acontecer de uma pessoa boa ter encontrado. Existem pessoas ainda honestas que podem devolver”, finalizou.

Sandra com o casaco que perdeu na travessia de balsas entre Guarujá e Santos, no litoral de São Paulo — Foto: Arquivo Pessoal

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias

Newsletter G1 Created with Sketch.

O que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.

Para se inscrever, entre ou crie uma Conta Globo gratuita.

Obrigado!

Você acaba de se inscrever na newsletter Resumo do dia.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

guaruja-recebe-procon-movel-nesta-quarta-feira

Prefeitura de Guarujá

Guarujá recebe Procon Móvel nesta quarta-feira

Veículo ficará estacionado em frente à Igreja Matriz no Centro, das 9 às 15 horas Problemas envolvendo a troca de um produto? Quais direitos prevê o Código de Defesa do Consumidor (CDC)? Essas e outras dúvidas poderão ser esclarecidas junto ao Procon Móvel, que estará em Guarujá nesta quarta-feira (21). O veículo ficará estacionado na Praça da Igreja Matriz, situada à Avenida Puglisi, no Centro. O horário de funcionamento à população será […]

today20 de setembro de 2022 19

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%